O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

[43]

Deus guarde a V. Exca. Paço das Cortes em 29 de Janeiro de 1822. - João Baptista Felgueiras.

Para José Ignacio da Costa.

Illustrissimo e Excellentissimo Senhor. - As Cortes Geraes e Extraordinarias da Nação portugueza mandão remetter ao Governo a 1.ª e 2.ª via inclusa do officio da junta da fazenda publica de Pernambuco, em data de 24 de Novembro do anno passado acompanhando os conhecimentos para serem entregues, á ordem do Presidente do Thesouro nacional, mil quintaes de pão brazil embarcados nas galeras Sarmento e Innocencia fretadas á custa da fazenda publica da mesma provincia.

Deus guarde a V. Exca. Paço das Cortes em 29 de Janeiro de 1822. - João Baptista Felgueiras.

Para o mesmo.

Illustrissimo e Exceltentissirno Senhor. - As Cortes Geraes e Extraordinarias da Nação portugueza ordenão que lhes sejão transmitidas informações necessarias sobre as transacções, que existem ácerca do páo brazil, suspendendo-se entretanto a arrematação do mesmo páo, que está annunciada para o dia de amanhã. O que V. Exca. levará ao conhecimenro de Sua Magestade.

Deus guarde a V. Exca. Paço das Cortes em 29 de Janeiro de 1822. - João Baptista Felgueiras.

Para o mesmo.

Illustrissimo e Excellentissimo Senhor. - As Cortes Geraes e Extraordinarias da Nação portugueza, sendo-lhes presente o incluso requerimento, e documentos juntos de João Lobato Quinteiro Barroso de Faria ácerca de um alcance de decimas, e novos impostos, por que he executado, como superintendente que foi nas freguesias de Santa Catharina, Sacramento, e Mercês: mandão remetter ao Governo o mesmo requerimento, e documentos, por ser da sua competencia, tanto o fiscalisar o ponto ajuste das contas do supplicante, como admittir a prestação pedida, estando nos termos do decreto das Cortes de 9 de Junho de 1821. O que V. Exca. levará ao conhecimento de Sua Magestade.

Deus guarde a V. Ecx. Paço das Cortes em 29 de Janeiro de 1822. - João Baptista Felgueiras.

Marinha - Para Candido José Xavier.

Illustrissimo e Excellentissimo Senhor - As Cortes Geraes e Extraordinarias da Nação portugueza mandão remetter ao Governo, a fim de serem transmittidas á Commissão de marinha, nomeada pela ordem de 21 de Novembro do anno passado, as cinco inclusas memorias sobre objecto da sua incumbencia, que forão dirigidas a este soberano Congresso, e constão da relação junta por mim assignada.

Deus guarde a V. Exca. Paço das Cortes em 29 de Janeiro de 1822. - João Baptista Felgueiras.

Relação das memorias que acompanhão a ordem da data de hoje.

Memoria para servir d'esquissa ao arranjamento da marinha de guerra nacional, por José Antonio Ferreira Vieira.

Memoria sobre o melhoramento da marinha portugueza, assim nacional como mercantil, por Lourenço Luiz da cidade do Porto.

Memoria sobre o modo, e utilidade deformar trinta náos de linha, e duas de tres baterias, que sempre se consertem no porto de Lisboa, para previnir qualquer bloqueio, pelo mesmo Lourenço Luiz.

Memoria sobre a necessidade de adoptar um systema fixo e permanente de policia maritima para os portos de Portugal, por Isidro Francisco Guimarães.

Memoria sobre o alistamento da marinhagem para o serviço da armada nacional, com algumas reflexões analogas, por José Xavier Bressane Leite.

Paço das Cortes em 29 de Janeiro de 1822. - João Baptista Felgueiras.

Guerra - Para o mesmo.

Illustrissimo e Excellentissimo Senhor. - As Cortes Geraes e Extraordinarias da Nação portugueza ordenão que lhes sejão transmitidas informações sobre o incluso requerimento de Francisco Xavier Abelho, capitão da 7.ª companhia do regimento de infantaria n.º 1. ácerca da preterição de que se queixa. O que V. Exca. levará ao conhecimento de Sua Magestade.

Deus guarde a V. Exca. Paço das Cortes em 29 de Janeiro de 1822. - João Baptista Felgueiras.

Para o mesmo.

Illustrissimo e Excellentissimo Senhor. - As Cortes Geraes e Extraordinaiias da Nação portugueza mandão remetter ao Governo, afim de ser competentemente verificado, o incluso offerecimento, que o coronel Lufa de Mendonça e Mello, em seu nome, e no dos officiaes, e de todas as mais praças do regimento d'infantaria n.° 14 dirigiu a este soberano Congresso para as urgencias do estado, da quantia de 14:285$123 réis proveniente das rações de pão, etape, e forragens, que se lhes devem do tempo da campanha. O que V. Exca. levará ao conhecimento de Sua Magestade.

Deus guarde a V. Exca. Paço das Cortes em 29 de Janeiro de 1822. - João Baptista Felgueiras.

Redactor - Velho.

SESSÃO DE 30 DE JANEIRO.

ABERTA a Sessão, sob a presidencia do Sr. Serpa Machado, leu-se a acta da sessão antecedente que foi approvada.

F 2