O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Página 45

N.º 15

SESSÃO DE 15 DE FEVEREIRO DE 1878

Presidencia do exmo. sr. Marquez d’Avila e de Bolama

Secretarios — os dignos pares

Visconde de Soares Franco
Eduardo Montufar Barreiros

Ás duas horas e um quarto da tarde, sendo presente numero legal, foi declarada aberta a sessão.

Leu-se a acta da precedente, que se julgou approvada em conformidade do regimento, por não haver reclamação em contrario.

Mencionou-se a seguinte

Correspondencia

Um officio do digno par Vicente Ferrer Neto Paiva, expondo os motivos por que não póde comparecer ás sessões d’esta camara.

Ficou a camara inteirada.

Outro do ministerio dos negocios estrangeiros, remettendo, para conhecimento da camara, copia de uma nota que o sr. ministro de Italia n’esta côrte enviou, com data de 5 do corrente mez, significando quanto Sua Magestade o Rei Humberto e o seu governo ficaram penhorados pelas espontaneas demonstrações com que a nação portugueza manifestou o seu vivo pezar, por occasião da morte de Sua Magestade o Rei Victor Manuel, e especialmente pela deliberação das côrtes portuguezas.

Ficou a camara inteirada.

Outro do sr. arcebispo de Tarso, nuncio apostolico n’esta côrte, agradecendo o voto de profundo sentimento pela lamentavel morte do venerando Pontifice o Santissimo Padre Pio IX, que, por proposta do ex.1110 sr. presidente, a camara votou que fosse lançado na acta.

Ficou a camara inteirada.

O sr. Presidente: — A camara sabe que Sua Magestade a Rainha, depois de ter cumprido um dever filial, que mereceu de certo as sympathias o a approvação do paiz, acaba de chegar á capital, acompanhada de Sua Alteza Real o Principe D. Carlos; e creio que interpreto bem os: sentimentos da camara, suppondo que ella quererá que seja nomeada uma grande deputação, de que fará parte a mesa, para ir comprimentar Sua Magestade El-Rei, Sua Magestade a Rainha e Sua Alteza Real pelo seu feliz regresso a esta capital. (Muitos apoiados.)

Os dignos pares que approvam esta proposta tenham a! bondade de se levantar.

Foi approvada unanimemente.

O sr. Presidente: — Lancar-se-ha na acta que esta proposta foi unanimemente approvada; e participarei ao governo esta resolução da camara, para que elle possa receber de Sua Magestade as ordens necessarias ácerca do dia e hora em. que o mesmo Augusto Senhor se digna receber a deputação.

Os dignos pares que a hão de compor, são, alem da mesa, os srs.

(Leu.)

Escuso de dizer que os dignos pares, que quizerem associar-se á deputação, o poderão fazer, tornando assim este acto mais digno da camara.

O sr. Larcher: — Cumpre-me participar a v. exa. que o digno par o sr. barão de S. Pedro está incommodado de saude, e que por este motivo talvez não possa fazer parte da deputação.

O sr. Presidente: — Vou substituir o digno par, sentindo o motivo que impede s. exa. de fazer parte n’esta deputação, sendo composta, alem da mesa, dos dignos pares:

Marquez de Fronteira.

Marquez de Vallada.

Conde do Casal Ribeiro.

Conde de Paraty.

Conde de Fonte Nova.

Visconde do Porto Covo da Bandeira.

Duque de Palmella.

Jayme Larcher.

Mártens Ferrão.

Paiva Pereira da Silva.

General Palmeirim.

General Sousa Pinto.

O sr. Mello e Carvalho: - O sr. conde de Avillez encarregou-me de participar a v. exa. e á camara, que por motivos de negocios de sua casa foi obrigado a partir para Portalegre, e que por este motivo não póde comparecer a algumas sessões.

O sr. Presidente: — Lançar-se-ha na acta a declaração do digno par.

Convido os dignos pares, relatores de commissões, a mandarem para a mesa quaesquer pareceres que tenham a apresentar.

(Pausa.)

Como ninguem pede a palavra, convido os dignos pares a trabalharem em commissões.

Hei de participar ao sr. ministro do reino-a resolução que a camara tomou, e logo que se saiba o dia e hora em que Sua Magestade se digna receber a deputação, serão avisados os dignos pares que a compõem, para se apresentarem no paço á hora determinada. Alem disso, será tambem publicada esta resolução no Diario do governo, para conhecimento dos dignos pares que desejarem aggregar-se á deputação.

A ordem do dia para terça feira, 19 do corrente, é a mesma que estava dada para hoje.

Eram duas horas e meia da tarde.

Dignos pares presentes na sessão de 15 de fevereiro de 1878

Exmos. srs.: Marquezes, d’Avila e de Bolama, de Fronteira, de Vallada, de Vianna; Condes, do Farrobo, de Fonte Nova, da Ribeira Grande; Viscondes, de Porto Covo, da Praia Grande, do Seisal, de Soares Franco; D. Affonso de Serpa, Sousa Pinto, Barros e Sá, Paiva Pereira, Costa Lobo, Cau da Costa, Palmeirim, Carlos Bento, Sequeira Pinto, Barreiros, Larcher, Braamcamp, Pinto Bastos, Reis e Vasconcellos, Lourenço da Luz, Franzini, Mello e Carvalho.

13

Página 46

Exportar páginas

Página Inicial Inválida
Página Final Inválida

×