O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

9

precedente Reunião, e foi approvada. O Sr. Secretario Bergara mencionou a seguinte Correspondencia; 1.º Um Officio do Sr. João José Vaz Preto Giraltles, Senador eleito por Castello-Branco, significando não lhe ser possivel comparecer por agora, e remettendo uma exposição sobre algumas occorrencias que haviam tido logar nas eleições daquelle Circulo. Foi á Commissão de Poderes. 2.° Uma Representação de alguns Cidadãos Patriotas do Concelho d'Abrunheira contra a legalidade da eleição de Senadores e Deputados, que se fez no mesmo Concelho, na Assembléa eleitoral de Samuel no dia 12 d'Agosto proximo passado. Passou á mesma Commissão. O Sr. Senador Barão de Villa Nova de Foscôa, como Relator da principal Commissão de Poderes, obtendo a palavra leu o Parecer N.° 1 da mesma Commissão: lido segunda vez na Mesa, o Sr. Senador Castro Pereira ponderou, que não havendo ninguem pedido a palavra sobre elle, parecia que não poderia soffrer impugnação, e por isso requereu fosse posto á votação. E sendo-o effectivamente, ficou approvado em todas as suas partes. Não havendo mais objecto algum de que tractar, e não sendo tambem presumivel que até ao dia seguinte occorresse, terminou a presente Reunião um quarto depois da uma hora, havendo-se antes resolvido que a proxima tivesse logar na Quarta-feira pelo meio dia. E eu Venancio Pinto do Rego Cêa Trigueiros, Secretario Provisorio a redigi, e fiz escrever. - Visconde de Semodães, Presidente Provisorio. - José Maria Moreira de Bergara, Secretario Provisorio. - Penando Pinto do Rego Cêa Trigueiros, Secretario Provisorio.

ACTA DA SEXTA REUNIÃO PREPARATORIA, EM 19 DE DEZEMBRO DE 1838.

Meia hora depois do meio dia o Sr. Presidente declarou que estava aberta a Sessão; e feita a chamada pelo Sr. Secretario Bergara, acharam-se presentes os Srs. Senadores seguintes; Barões de Fonte Nova, e de Villa Nova de Foscôa, Bazilio Cabral, Zagallo, Condes do Bomfim, e de Villa Real, Duque da Terceira, Cardozo da Cunha, Cordeiro Feio, Pinto Basto, Vellez Caldeira, Castro Pereira, Leitão, Viscondes de Beire, e Semodães, Bergara, e Trigueiros. Lida a Acta pelo Secretario Trigueiros foi approvada. O Sr. Barão de Villa Nova de Foscôa pediu, e obteve a palavra, por parte da principal Commissão de Poderes, e como seu Relator expoz que tendo a mesma Commissão em uma das partes do Parecer, approvado na ultima Reunião, exarado a opinião de que se officiasse ao Governo para mandar proceder a novas eleições em alguns Circulos pelos quaes não havia Senadores nem Substitutos, declarava agora que aquella opinião não involvia a idéa de que taes eleições houvessem de ter logar desde logo, e por isso em nome da mesma Commissão propunha se sobreestivesse na execução da mencionada parte do seu Parecer, até que haja conhecimento exacto do numero de Membros da Camara dos Senadores, que ainda é mister eleger. Sobre esta proposta foram feitas varias observações, e depois de algumas exibidas pelo Sr. Secretario Trigueiros, propoz este que a respeito daquelles Senadores cujas excusas foram pedidas, e que em lermos absolutos e positivos renunciaram a honra de tomar assento na Camara, se officiasse logo ao Governo, dizendo quaes elles eram, para mandar proceder a novas eleições que preenchessem seus logares.

c