O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

2336 | I Série - Número 055 | 14 de Novembro de 2002

 

O Sr. Lino de Carvalho (PCP): - Sr. Presidente, V. Ex.ª anunciou a votação da proposta 18-P…

O Sr. Luís Marques Guedes (PSD): - Ainda não!

O Orador: - Anunciou!

O Sr. Presidente: - De facto, disse que íamos votá-la, mas foi chamada a atenção para que falta votar alguns números do artigo anterior.

O Orador: - Em todo o caso, Sr. Presidente, em relação à proposta que anunciou, o PSD e o CDS-PP apresentaram duas propostas que, salvo erro ou omissão, são iguais: as propostas 15-P e 18-P.

O Sr. Luís Marques Guedes (PSD): - A proposta 15-P já foi retirada, já não está no guião!

O Orador: - Não foi dito que tinha sido retirada, portanto, está cá…

O Sr. Luís Marques Guedes (PSD): - Não, não está no guião!

O Orador: - Mas a proposta 18-P não diz que substitui a proposta 15-P!

Vozes do PSD: - Não está no guião!

Vozes do PCP: - Mas tem de ser explicado!

O Sr. Presidente: - Srs. Deputados, vamos ver se esclarecemos este ponto, porque convém que estas votações, que são de muito melindre, sejam feitas com rigor.
Chamo a atenção para o seguinte: neste artigo 8.º,…

O Sr. Luís Marques Guedes (PSD): - Não é o artigo 8.º, é o artigo 1.º do Decreto-Lei n.º 40/93!

O Sr. Presidente: - … há um n.º 11 que é novo, mas os outros números, os n.os 12, 13 e 14, são iguais, sendo apenas renumerados. Não é, Srs. Deputados?

O Sr. Luís Marques Guedes (PSD): - Não, Sr. Presidente.

O Sr. Presidente: - Sr. Deputado Luís Marques Guedes, tenha a bondade de esclarecer a Mesa.

O Sr. Luís Marques Guedes (PSD): - Sr. Presidente, se me permite, penso que o Sr. Presidente está a ler a proposta de lei e, se voltar à página anterior, verificará que, embora esteja antes do artigo 9.º, não é o artigo 8.º mas, sim, o artigo 1.º do Decreto-Lei n.º 40/93, de 18 de Fevereiro.
Sr. Presidente, o que acontece é que nós votámos até ao n.º 10 do artigo 1.º do Decreto-Lei n.º 43/93 (que é alterado pelo n.º 1 do artigo 33.º da proposta de lei), artigo esse que contém uma série de novos números, que obrigaram a "deslizar" - a proposta de lei faz isso - os actuais n.os 9, 10 e 11 para, respectivamente, n.os 12, 13 e 14. Ora, nada disto, nem o n.º 11 que consta da proposta de lei, foi ainda votado. Portanto, falta-nos votar o n.º 11 e os n.os 12, 13 e 14, sendo que estes três últimos são a renumeração de números anteriores do decreto-lei. Tudo isto não está no guião e devia estar, porque não foi votado.

O Sr. Presidente: - Então, Srs. Deputados…

O Sr. Joel Hasse Ferreira (PS): - Peço a palavra, Sr. Presidente.

O Sr. Presidente: - Tem a palavra, Sr. Deputado.

O Sr. Joel Hasse Ferreira (PS): - Sr. Presidente e Srs. Deputados, gostaria que fosse clarificada a seguinte situação: foi retirada uma proposta, a proposta 15-P, mas não ficou claro para mim se não foi também retirada a proposta 18-P. E esta proposta 18-P é aquela que beneficia alguns importadores de automóveis antigos, não é verdade?

O Sr. Luís Marques Guedes (PSD): - Isto é chicana! Não tem nada a ver com a votação!

O Sr. Presidente: - Dá-me a impressão que o problema aqui não é esse, Sr. Deputado Joel Hasse Ferreira, a questão é outra.
A questão, agora, é esta: nós votámos o n.º 10 do artigo 1.º do Decreto-Lei n.º 40/93, de 18 de Fevereiro, sobre o Imposto Automóvel, e é preciso votarmos o n.º 11 e, de seguida, os n.os 12, 13 e 14, para que não haja quaisquer espécie de dúvidas sobre esta matéria e sobre qual é a vontade do legislador.
Tem a palavra o Sr. Deputado Joel Hasse Ferreira.

O Sr. Joel Hasse Ferreira (PS): - Sr. Presidente, deve haver aqui qualquer equívoco - e vamos ver de quem.
Estamos a falar do artigo 9.º, constante do n.º 1 do artigo 33.º da proposta de lei, que é, de facto, o que consta do guião. Por outro lado, há, na proposta de lei, os n.os 12, 13 e 14, que são os anteriores n.os 9, 10 e 11 e que, julgo, não vale a pena votar, pois trata-se de uma renumeração.
Quanto à proposta 18-P, que altera o n.º 1 do artigo 9.º, é a que introduz, de facto, uma isenção beneficiando alguns importadores de automóveis antigos.

O Sr. Presidente: - Srs. Deputados, vamos, então, votar o n.º 11 do artigo 1.º do Decreto-Lei n.º 40/93, de 18 de Fevereiro, constante do n.º 1 do artigo 33.º da proposta de lei.

Submetido à votação, foi aprovado, com votos a favor do PSD e do CDS-PP e abstenções do PS, do PCP, do BE e de Os Verdes.

Srs. Deputados, vamos agora votar, em conjunto, os n.os 12, 13 e 14 (anteriores n.os 9, 10 e 11, respectivamente) do artigo 1.º do Decreto-Lei n.º 40/93, de 18 de Fevereiro, constante do n.º 1 do artigo 33.º da proposta de lei.

Submetidos à votação, foram aprovados, com votos a favor do PSD e do CDS-PP e abstenções do PS, do PCP, do BE e de Os Verdes.

Páginas Relacionadas
Página 2337:
2337 | I Série - Número 055 | 14 de Novembro de 2002   Julgo que para a discu
Pág.Página 2337