O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 31

22

devem ter, perante a comunidade e os sistemas de avaliação, exatamente a mesma exigência e a mesma

dignidade…

O Sr. João Oliveira (PCP): — Muito bem!

O Sr. Miguel Tiago (PCP): — … e devem corresponder exatamente às mesmas provas e terem o mesmo

peso na avaliação.

Portanto, esta reposição da justiça nada tem a ver com o acabar ou criar exames. Estamos a tratar da

eliminação da injustiça neste caso concreto e, hoje, temos condições para que essa injustiça seja, de facto,

eliminada.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Peço-lhe que conclua, Sr. Deputado.

O Sr. Miguel Tiago (PCP): — Termino, Sr. Presidente.

Ora, é por isso mesmo que torno a saudar aqueles estudantes, principalmente das Escolas António Arroio

e Soares dos Reis, que trouxeram ao Parlamento este problema, pela voz dos grupos parlamentares é certo,

mas também pelos contactos, fazendo votos, além dos de bom sucesso nos seus exames ao ensino superior,

de que não esqueçam esta lição poderosa que a vida lhes dá, que é a de quem vai à luta nem sempre ganha,

mas quem não vai à luta perde sempre!

Aplausos do PCP, do PS e do BE.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Para uma curta intervenção, necessariamente curta, tem a palavra a

Sr.ª Deputada Gabriela Canavilhas.

A Sr.ª Gabriela Canavilhas (PS): — Sr. Presidente, a minha intervenção será muito curta, é apenas para

esclarecer um equívoco do Sr. Deputado Pedro Pimpão, que, certamente, por desconhecimento, alegou

alguma incompatibilidade na minha declaração.

Protestos do Deputado do PSD Pedro Pimpão.

Não, não! Acontece que o Sr. Deputado desconhece que a melhoria da lei que houve na Legislatura

passada resultou de um projeto de resolução do Partido Socialista, alicerçado num grande movimento civil que

movimentou todas as escolas de música do País,…

Vozes do PS: — Bem lembrado!

A Sr.ª Gabriela Canavilhas (PS): — … que quase paralisou as escolas de música do País e que obrigou o

Sr. Ministro a fazer a alteração de retirar a Filosofia.

O Sr. Pedro Pimpão (PSD): — Mas isso é anterior! Isso é anterior!

A Sr.ª Gabriela Canavilhas (PS): — Isso deveu-se às oposições da altura e à sociedade civil, não foi ao

seu Governo.

Aplausos do PS.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Sr.as

e Srs. Deputados, concluído o debate dos projetos de resolução

n.os

47, 107 e 112/XIII (1.ª), vamos entrar na apreciação, na generalidade, dos projetos de lei n.os

79/XIII (1.ª)

— Manutenção do Hospital do Fundão sob gestão pública (PCP), 85/XIII (1.ª) — Reversão do Hospital Conde

de São Bento, em Santo Tirso, para o Ministério da Saúde (PCP), 78/XIII (1.ª) — Reversão do Hospital Distrital

de São João da Madeira para o Ministério da Saúde (PCP) e 113/XIII (1.ª) — Manutenção do processo de