O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 16

52

———

Relativa ao projeto de resolução n.º 315/XIII (1.ª):

O projeto de resolução n.º 315/XIII (1.ª) apresentado pelo PAN recomenda ao Governo que proceda à

contratação dos médicos veterinários municipais em falta. Segundo o mesmo, existem «cerca de 170

veterinários municipais — autoridade sanitária veterinária», acrescento concelhia, «no País, e uma vez que

deveria existir um médico-veterinário municipal por cada município, estão por nomear cerca de 138 técnicos».

O setor dos médicos veterinários municipais, sendo determinante para assegurar o bem-estar animal e a

saúde pública, exige ser pensado muito séria e ponderadamente, tendo em conta, também, a realidade atual do

País, nomeadamente com as sucessivas alterações dos serviços descentralizadas do Ministério da Agricultura,

Florestas e Desenvolvimento Rural que foram perdendo a sua implementação regional, as novas dinâmicas e

competências intermunicipais e até os movimentos sociais e associativos, sendo necessário existirem políticas

públicas que se adequem ao território e à exigência das funções.

Relativamente ao projeto de resolução n.º 315/XIII (1.ª) somos de parecer que, não deixando de concordar

com a necessidade de cobrir o território com a necessária intervenção do médico veterinário municipal,

consideramos que essa cobertura eficaz e eficiente exige uma rigorosa reestruturação tendo em vista assegurar,

no futuro, o trabalho dos médicos veterinários municipais.

Ao votarem contra esta iniciativa do PAN, os Deputados do Grupo Parlamentar do Partido Socialista estão a

proteger o futuro dos médicos veterinários municipais e dá prioridade à defesa da saúde pública, enaltecendo o

papel fundamental dos mesmos, enquanto autoridade sanitária veterinária concelhia.

Os Deputados do Grupo Parlamentar do Partido Socialista.

———

Nota: A declaração de voto anunciada pela Deputada do PCP Diana Ferreira não foi entregue no prazo

previsto no n.º 3 do artigo 87.º do Regimento da Assembleia da República.

———

Presenças e faltas dos Deputados à reunião plenária.

A DIVISÃO DE REDAÇÃO E APOIO AUDIOVISUAL.

Páginas Relacionadas
Página 0014:
I SÉRIE — NÚMERO 16 14 apresentado pelo PSD e pelo CDS-PP, que são du
Pág.Página 14
Página 0015:
21 DE OUTUBRO DE 2016 15 A realidade de cerca de 79 000 alunos com necessidades edu
Pág.Página 15
Página 0016:
I SÉRIE — NÚMERO 16 16 condições para garantir a todos, independentem
Pág.Página 16
Página 0017:
21 DE OUTUBRO DE 2016 17 1994, e pelos objetivos que as Nações Unidas estipularam p
Pág.Página 17
Página 0018:
I SÉRIE — NÚMERO 16 18 oportunidades. Quando falamos de igualdade de
Pág.Página 18
Página 0019:
21 DE OUTUBRO DE 2016 19 Entretanto, assumiu a presidência a Vice-Presidente Teresa
Pág.Página 19
Página 0020:
I SÉRIE — NÚMERO 16 20 Sabemos também que o número de alunos que entr
Pág.Página 20