O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 50

26

Pura e simplesmente deixa-se ao abandono até ruir totalmente, perdendo-se esse património, esse valor

para o nosso País?

É preciso ir mais ao fundo da questão, é preciso encontrar verdadeiras soluções e, principalmente, é preciso

que o Governo invista no património público, não na sua alienação, como muitas vezes se tem verificado na

venda abusiva de património público, mas colocando o património ao serviço dos interesses do nosso País e

das populações.

Aplausos do PCP.

O Sr. Presidente (José Manuel Pureza): — Para uma intervenção, tem a palavra, em nome do Grupo

Parlamentar do PSD, o Sr. Deputado Jorge Paulo Oliveira.

O Sr. Jorge Paulo Oliveira (PSD): — Sr. Presidente, Sr.as e Srs. Deputados: Gostaria de deixar algumas

notas finais, em jeito de conclusão.

O PCP e o Bloco de Esquerda ressuscitaram, como sempre, o inimigo público que se chama iniciativa

privada.

Isso não deixa de ser curioso, porque são os mesmos PCP e Bloco de Esquerda que apoiam o Governo que,

só nos primeiros três meses do ano de 2016, aumentou em 7 milhões de euros os encargos anuais com rendas

onde o Estado é inquilino.

São os mesmos PCP e Bloco de Esquerda que apoiam um Governo que lançou um projeto chamado

REVIVE, que abre ao investimento privado nacional e estrangeiro a utilização de 30 edifícios históricos.

Este é, curiosamente, o mesmo PCP, Sr.ª Deputada Paula Santos, que, na Câmara Municipal de Setúbal,

aceitou tomar o Forte de Albarquel nos mesmos termos,…

O Sr. Nuno Magalhães (CDS-PP): — Exatamente!

O Sr. Jorge Paulo Oliveira (PSD): — … nos exatos termos que são preconizados por este projeto de lei do

PSD.

Aplausos do PSD.

E, mais, Sr.ª Deputada: a Câmara Municipal de Setúbal, depois de ter tomado este Forte, celebrou parcerias

com entidades privadas estrangeiras,…

O Sr. Luís Leite Ramos (PSD): — Vejam bem!

O Sr. Nuno Magalhães (CDS-PP): — Exatamente!

O Sr. Jorge Paulo Oliveira (PSD): — … uma fundação inglesa e uma fundação alemã. Não acha estranho?

Não acha estranho?

Aplausos do PSD.

Sr. Deputado José Manuel Carpinteira, queria começar por…

O Sr. Presidente (José Manuel Pureza): — Queira terminar, Sr. Deputado.

O Sr. Jorge Paulo Oliveira (PSD): — Sr. Presidente, gostaria de beneficiar do mesmo tempo de que

beneficiaram os outros Srs. Deputados.

O Sr. Presidente (José Manuel Pureza): — Beneficia precisamente do mesmo.

Páginas Relacionadas
Página 0038:
I SÉRIE — NÚMERO 50 38 Submetido à votação, foi aprovado, com votos a
Pág.Página 38