O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

30 DE NOVEMBRO DE 2017

45

Vamos votar, na generalidade, o projeto de lei n.º 627/XIII (3.ª) — Visa reforçar a regulação relativa aos

consultores para investimento autónomos e colaboradores de intermediários financeiros que exercem a

atividade de consultoria para investimento (PS).

Submetido à votação, foi aprovado, com votos a favor do PS, do BE, do PCP, de Os Verdes e do PAN e

abstenções do PSD e do CDS-PP.

Baixa, igualmente, à 5.ª Comissão.

Passamos à votação, na generalidade, do projeto de lei n.º 628/XIII (3.ª) — Visa reforçar a regulação da

concessão de crédito por instituições de crédito a titulares de participações qualificadas (PS).

Submetido à votação, foi aprovado, com votos a favor do PS, do BE, do CDS-PP, do PCP, de Os Verdes e

do PAN e a abstenção do PSD.

Baixa à 5.ª Comissão.

Votamos agora, na generalidade, o projeto de lei n.º 629/XIII (3.ª) — Visa reforçar a regulação relativa aos

deveres de informação contratual e periódica a prestar aos investidores em instrumentos financeiros (PS).

Submetido à votação, foi aprovado, com votos a favor do PS, do BE, do PCP, de Os Verdes e do PAN e

abstenções do PSD e do CDS-PP.

Baixa à 5.ª Comissão.

Segue-se a votação, na generalidade, do projeto de lei n.º 630/XIII (3.ª) — Visa reforçar a regulação das

obrigações das instituições de crédito na comercialização de depósitos e produtos de crédito (PS).

Submetido à votação, foi aprovado, com votos a favor do PS, do BE, do PCP, de Os Verdes e do PAN e

abstenções do PSD e do CDS-PP.

Baixa à 5.ª Comissão.

Votamos agora, também na generalidade, o projeto de lei n.º 631/XIII (3.ª) — Visa reforçar a regulação

relativa às ofertas particulares de valores mobiliários (PS).

Submetido à votação, foi aprovado, com votos a favor do PS, do BE, do PCP, de Os Verdes e do PAN e

abstenções do PSD e do CDS-PP.

Baixa à 5.ª Comissão.

Vamos votar, na generalidade, o projeto de lei n.º 632/XIII (3.ª) — Visa reforçar a regulação da organização

interna dos intermediários financeiros (PS).

Submetido à votação, foi aprovado, com votos a favor do PS, do BE, do PCP, de Os Verdes e do PAN e

abstenções do PSD e do CDS-PP.

Baixa à 5.ª Comissão.

Votamos agora, na generalidade, o projeto de lei n.º 633/XIII (3.ª) — Visa reforçar os poderes de supervisão

do Banco de Portugal (PS).

Submetido à votação, foi aprovado, com votos a favor do PS, do BE, do PCP, de Os Verdes e do PAN e

abstenções do PSD e do CDS-PP.

Baixa à 5.ª Comissão.

Prosseguimos com a votação, na generalidade, do projeto de lei n.º 634/XIII (3.ª) — Visa reforçar a regulação

da remuneração dos colaboradores dos intermediários financeiros e das instituições de crédito (PS).

Páginas Relacionadas
Página 0004:
I SÉRIE — NÚMERO 22 4 O Sr. Presidente: — Sr.as Deputadas e Srs. Depu
Pág.Página 4
Página 0005:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 5 (PAN); e o projeto de resolução n.º 1108/XIII (3.ª) — Reco
Pág.Página 5
Página 0006:
I SÉRIE — NÚMERO 22 6 Esta pergunta, que os portugueses sempre coloca
Pág.Página 6
Página 0007:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 7 O Sr. Telmo Correia (CDS-PP): — É disso que estamos
Pág.Página 7
Página 0008:
I SÉRIE — NÚMERO 22 8 Deixe-me que lhe diga, Sr. Deputado, que é bom
Pág.Página 8
Página 0009:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 9 Vencida essa dificuldade, que vinha, designadamente, das b
Pág.Página 9
Página 0010:
I SÉRIE — NÚMERO 22 10 Para o Partido Ecologista «Os Verdes», nesta f
Pág.Página 10
Página 0011:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 11 para prevenir essa negligência, serem demasiado generalis
Pág.Página 11
Página 0012:
I SÉRIE — NÚMERO 22 12 Aplausos de Os Verdes e de Deputados do PCP.
Pág.Página 12
Página 0013:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 13 Mas nada disto terá efeito se não for feito o que é deter
Pág.Página 13
Página 0014:
I SÉRIE — NÚMERO 22 14 devidamente enquadrados ao nível do município
Pág.Página 14
Página 0015:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 15 distrital seja acionado. Esta dispensa abrange os cidadão
Pág.Página 15
Página 0016:
I SÉRIE — NÚMERO 22 16 suas propostas correspondem a recomendações da
Pág.Página 16
Página 0017:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 17 O Sr. Presidente: — Srs. Deputados, neste momento a Mesa
Pág.Página 17
Página 0018:
I SÉRIE — NÚMERO 22 18 no Balcão 2020 que permita a estas empresas, a
Pág.Página 18
Página 0019:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 19 Sabíamos que não seria tarefa fácil não só porque esse ob
Pág.Página 19
Página 0020:
I SÉRIE — NÚMERO 22 20 Depois impunha-se, e continua a impor-se, gara
Pág.Página 20
Página 0021:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 21 Um primeiro projeto, como já aqui foi referido pelo Deput
Pág.Página 21
Página 0022:
I SÉRIE — NÚMERO 22 22 desejada por todos, poderá ter consequências e
Pág.Página 22
Página 0023:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 23 Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana, potencia
Pág.Página 23
Página 0024:
I SÉRIE — NÚMERO 22 24 Em segundo lugar, esta resolução do Conselho d
Pág.Página 24
Página 0025:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 25 Deixo uma nota para a iniciativa legislativa do PSD, que
Pág.Página 25
Página 0026:
I SÉRIE — NÚMERO 22 26 Aplausos do BE. O Sr. Pre
Pág.Página 26
Página 0027:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 27 projetos hoje em discussão diz respeito, ou pelo menos à
Pág.Página 27
Página 0028:
I SÉRIE — NÚMERO 22 28 Esta comissão funcionaria, ou funcionará, na A
Pág.Página 28
Página 0029:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 29 Srs. Deputados, alguém acha razoável que empresas que per
Pág.Página 29
Página 0030:
I SÉRIE — NÚMERO 22 30 O Sr. João Oliveira (PCP): — Isso é ign
Pág.Página 30
Página 0031:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 31 Depois dos fogos de 2016, reconhecendo a sua incapacidade
Pág.Página 31
Página 0032:
I SÉRIE — NÚMERO 22 32 As populações necessitam e esperam dos poderes
Pág.Página 32
Página 0033:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 33 a criação de uma comissão popular em defesa do Pinhal na
Pág.Página 33
Página 0034:
I SÉRIE — NÚMERO 22 34 O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Para
Pág.Página 34
Página 0035:
30 DE NOVEMBRO DE 2017 35 É legítimo questionar, Srs. Deputados, onde estão as prop
Pág.Página 35