O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 5

34

Peço a compreensão dos demais Deputados.

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Sr. Presidente, compreendo que não queiram ouvir o que vou dizer a

seguir, porque retira a justeza do que a Sr.ª Deputada disse relativamente a mim, mas, de qualquer das formas,

terão de ouvir.

A comissão que existe no âmbito do Conselho Económico e Social, comissão especializada relativa à

natalidade, foi criada com origem numa proposta vossa, na anterior Legislatura, para estudar, acompanhar e

propor medidas no âmbito da natalidade.

O Sr. Tiago Barbosa Ribeiro (PS): — Eles sabem lá!

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Quanto ao grupo de trabalho da parentalidade, que existe neste

Parlamente, coordenado pela Sr.ª Deputada, disse eu que era o grupo de trabalho certo para que o trabalho

relativamente a quaisquer propostas no âmbito da natalidade pudesse também ser feito.

Foi rigorosamente isto que eu disse, Sr.ª Deputada, por muito que lhe custe reconhecer.

A vossa proposta relativamente à criação de mais uma comissão eventual não se percebe, tendo em conta

o que existe, quer pela vossa mão, quer pela mão do Governo.

Aplausos do PS.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Sr.ª Deputada Clara Marques Mendes, deseja dar explicações?

O Sr. Tiago Barbosa Ribeiro (PS): — Explicações e tempo!

A Sr.ª Clara Marques Mendes (PSD): — Com certeza, Sr. Presidente.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Faça favor, Sr.ª Deputada.

A Sr.ª Clara Marques Mendes (PSD): — Sr. Presidente, para esclarecer, a Sr.ª Deputada refere uma

comissão especializada no âmbito da concertação permanente que não tem nada a ver com a comissão eventual

que aqui é proposta.

O Sr. Adão Silva (PSD): — Não tem nada a ver!

A Sr.ª Clara Marques Mendes (PSD): — A comissão eventual que aqui é proposta é trabalho para ser feito

pelos políticos, pelos representantes do povo, aqui, na Assembleia da República e fora, com a sociedade civil,

todos em conjunto.

Protestos da Deputada do PS Sónia Fertuzinhos.

Sr.ª Deputada, insisto naquilo que disse anteriormente e foi por isso que pedi a palavra. A Sr.ª Deputada não

tente enganar! O grupo de trabalho da parentalidade que existe atualmente é para tratar de medidas pontuais…

Protestos dos Deputados do PS Sónia Fertuzinhos.

O Sr. Tiago Barbosa Ribeiro (PS): — São tão pontuais como todas as outras!

O Sr. Adão Silva (PSD): — Não leu o projeto de resolução!

A Sr.ª Clara Marques Mendes (PSD): — No final vou ter todo o gosto de distribuir a minha intervenção e o

nosso projeto de resolução, porque a Sr.ª Deputada não percebeu rigorosamente nada.

Páginas Relacionadas
Página 0039:
28 DE SETEMBRO DE 2018 39 uma ou duas das quais se afastam, são todas as propostas
Pág.Página 39