O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

9 DE FEVEREIRO DE 2019

11

O Sr. António Topa (PSD): — Sr. Presidente, Sr.as Deputadas e Srs. Deputados: Em 12 de abril de 2013, a

Assembleia da República aprovou a Resolução n.º 63/2013, que recomendava ao Governo que promovesse um

estudo de uma alternativa ao pórtico do estádio, situado na A25, na cidade de Aveiro, antes da saída para o

Estádio Municipal de Aveiro e para a área comercial e industrial de Esgueira.

Considerando que as primeiras portagens nas SCUT foram introduzidas por um governo socialista em 2010,

está agora também nas mãos do mesmo Partido Socialista a possibilidade de rever e encontrar uma solução

para uma velha reivindicação, que é a localização do pórtico junto ao estádio de Aveiro.

Protestos do Deputado do PCP Jorge Machado.

A estrada nacional n.º 109 é fortemente utilizada como alternativa à A25, registando um volume de tráfego

muito superior ao existente antes da instalação do referido pórtico, causando fortes constrangimentos à

população. É uma alternativa lenta e perigosa.

Nesse sentido, importa procurar uma nova localização para este pórtico de forma a dar um sinal claro e um

contributo para a mobilidade e a acessibilidade na malha urbana de Aveiro, promovendo tanto a igualdade como

a coesão social e territorial entre os cidadãos do município de Aveiro, fundamental para a salvaguarda do

crescimento e do desenvolvimento económico da região.

Nestes termos, e ao abrigo das disposições legais e regimentais, os Deputados do Grupo Parlamentar do

PSD renovam a recomendação ao Governo, através do Projeto de Resolução n.º 1521/XIII/4.ª, aqui em

discussão, para que dê cumprimento à Resolução da Assembleia da República n.º 63/2013, no sentido de que

se faça um estudo de uma alternativa ao pórtico do estádio, defendendo os melhores interesses de Aveiro e

acabando com uma grave injustiça para a população aveirense.

Aplausos do PSD.

Entretanto, assumiu a presidência o Vice-Presidente José Manuel Pureza.

O Sr. Presidente: — Para uma intervenção, tem a palavra a Sr.ª Deputada Fátima Ramos, do PSD.

A Sr.ª Fátima Ramos (PSD): — Sr. Presidente, Sr.as Deputadas e Srs. Deputados: Estamos aqui para que

seja feita justiça. Em abril de 2016, o Governo anunciou a aplicação de 15% de desconto nas portagens para

algumas autoestradas do interior e também para o Algarve. O que é que aconteceu? Atribuiu estes descontos

mas, na altura, esqueceu-se daquela que foi denominada, mesmo por um governo socialista, de autoestrada do

Pinhal Interior, que serve dos concelhos mais pobres do País e que faz a ligação de Tomar a Coimbra e a

Condeixa. Atravessa concelhos, de facto, pobres, nomeadamente Ansião, Alvaiázere, Miranda do Corvo. Para

além disso, faz a ligação à A23 e faz a ligação à N342 e ao IC8, ou seja, a Figueiró dos Vinhos, a Pedrógão, e

a Castanheira de Pera, uma série de concelhos que, inclusivamente, tinham sido bastante fustigados pelos

incêndios e que são servidos por esta autoestrada.

O que acontece é que, como referi, esta autoestrada não foi incluída nesses descontos. Como os senhores,

do PCP ao Partido Socialista, certamente compreendem, foi de facto uma injustiça e, por isso, alertámos várias

vezes para a correção dessa injustiça. Certo é que o processo nunca foi resolvido. Entretanto, em abril de 2018,

apresentámos este projeto de resolução, porque era urgente resolvê-lo.

O Sr. Presidente (José Manuel Pureza): — Sr.ª Deputada, queria pedir-lhe que terminasse.

A Sr.ª Fátima Ramos (PSD): — Agora, em janeiro, porque estamos em ano de eleições, o Governo anunciou

um desconto para o transporte de mercadorias, mas estas pessoas merecem ver o seu assunto resolvido,

porque é extremamente importante

Aplausos do PSD.

Páginas Relacionadas
Página 0017:
9 DE FEVEREIRO DE 2019 17 O Sr. Presidente (José Manuel Pureza): — Está, ass
Pág.Página 17
Página 0018:
I SÉRIE — NÚMERO 50 18 O Sr. Jorge Falcato Simões (BE): — Sr. Preside
Pág.Página 18
Página 0019:
9 DE FEVEREIRO DE 2019 19 correspondendo, no essencial, ao que é assinalado e propo
Pág.Página 19
Página 0020:
I SÉRIE — NÚMERO 50 20 estruturalmente próximas da nossa e os instrum
Pág.Página 20
Página 0021:
9 DE FEVEREIRO DE 2019 21 Aplausos do PCP. O Sr. Presidente (Jo
Pág.Página 21