O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 85

24

Temos muitos desafios pela frente. O mecanismo europeu de proteção civil reforçado, com o apoio e o

acompanhamento do Ministério da Administração Interna e do Primeiro-Ministro, foi fundamental, porque na

Europa temos uma voz audível, onde não só reforçámos o mecanismo europeu, como também fomos

determinantes no apoio do fundo de solidariedade europeu.

Protestos do Deputado do PSD Duarte Marques.

Portugal melhor e mais seguro depende de todos. O Governo e o PS estão a cumprir a sua parte. Que todos

possamos cumprir a nossa parte, para sermos um todo coeso, sem silos, sem corporativismos excessivos, sem

demagogias fáceis e aproveitamentos políticos nos dramas humanos, reconhecendo que temos sempre que

melhorar respostas, mas afirmando a prevenção e o combate como dois pilares integrados numa cadeia de valor

mais vasta, em que as melhores competências e conhecimentos devem ser plenamente aproveitados a bem da

comunidade, a bem dos portugueses, a bem de Portugal.

Aplausos do PS.

O Sr. Presidente (José de Matos Correia): — Para pedir esclarecimentos, tem a palavra o Sr. Deputado

Duarte Marques.

O Sr. Duarte Marques (PSD): — Sr. Presidente, Sr.as e Srs. Deputados, respondendo diretamente às

acusações do Partido Socialista sobre o que estava a fazer o PSD quando queria propor estas reformas, vou

voltar ao papão: estava a tratar da vossa bancarrota! Temos de vos lembrar todos os dias.

Vozes do PSD: — Muito bem!

O Sr. Duarte Marques (PSD): — Já agora, Sr.ª Deputada, se tiver dúvidas, pergunte a vários colegas seus

que estão no Governo neste momento.

Mas há uma pergunta que tenho de lhe fazer: então, o Partido Socialista é alvo de uma acusação, de várias

acusações, tão graves que nós fizemos, sobre a matéria da gestão do Fundo de Solidariedade e não contestam

uma única crítica?!

Vozes do PSD: — Muito bem!

O Sr. Duarte Marques (PSD): — Enfiaram o barrete todo!

Vozes do PSD: — É bem verdade!

O Sr. Duarte Marques (PSD): — Sr.ª Deputada, pergunto-lhe: quando é que o PS vai deixar de ler os

discursos que o Ministro Eduardo Cabrita manda preparados, porque não tem clara noção do que se passa na

realidade?!

Vozes do PSD: — Muito bem!

O Sr. Duarte Marques (PSD): — É que o PS não tem noção…

O Sr. Porfírio Silva (PS): — Dê-se ao respeito!

O Sr. Duarte Marques (PSD): — O respeito que se pede é pelas pessoas, é pela verdade, repito, pela

verdade!

Protestos do PS e contraprotestos do PSD.

Páginas Relacionadas
Página 0029:
11 DE MAIO DE 2019 29 Consta da nossa agenda de hoje, mas sem tempos de debate, a P
Pág.Página 29
Página 0030:
I SÉRIE — NÚMERO 85 30 Da personalidade de Carlos Justino Cordeiro de
Pág.Página 30