O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 106

52

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Para que efeito, Sr. Deputado?

O Sr. Paulo Trigo Pereira (N insc.): — Sr. Presidente, é para anunciar que irei apresentar uma declaração

de voto sobre as duas últimas votações que acabámos de efetuar, isto é, dos Projetos de Lei n.os 1097/XIII/4.ª

(BE) e 1098/XIII/4.ª (BE).

O Sr. António Cardoso (PS): — Peço a palavra, Sr. Presidente.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Para que efeito, Sr. Deputado?

O Sr. António Cardoso (PS): — Sr. Presidente, é também para anunciar que apresentarei uma declaração

de voto sobre as duas últimas votações que acabámos de fazer.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Passamos à votação, na generalidade, do Projeto de Resolução n.º

1271/XIII/3.ª (Os Verdes) — Recomenda ao Governo um efetivo investimento no metropolitano de Lisboa e um

plano de expansão que sirva verdadeiramente as populações.

O Sr. João Paulo Correia (PS): — Sr. Presidente, peço a palavra para interpelar a Mesa.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Tem a palavra, Sr. Deputado.

O Sr. João Paulo Correia (PS): — Sr. Presidente, gostaria de questionar a Mesa sobre se deu entrada um

requerimento solicitando a votação, em separado, do ponto 5 deste projeto de resolução.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Sr. Deputado, o entendimento que resulta de orientações da Conferência

de Líderes é que, quando os diplomas não são votados em definitivo no Plenário — e estou a falar das

resoluções — e quando baixam à comissão, não há, na votação na generalidade, votação por pontos, porque

isso, depois, é trabalho da Comissão.

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Sr. Presidente, peço a palavra para interpelar a Mesa.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Tem a palavra, Sr. Deputado.

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Sr. Presidente, esse raciocínio faz sentido, mas assumindo que os

projetos serão todos aprovados. Na ausência dessa assunção, é impossível fazer esse raciocínio, uma vez que

não se sabe o que será aprovado ou não. Portanto, a votação por pontos tem efetivamente de ter lugar, Sr.

Presidente.

O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Sr. Deputado Pedro Delgado Alves, se, porventura, nas votações que

têm incidência sobre esta matéria — uma vez que há mais do que um projeto de resolução —, os demais forem

rejeitados e só sobrar um, então, procede-se àquilo que o Sr. Deputado acabou de referir.

Estamos de acordo, não é verdade?

Pausa.

Muito bem, estamos de acordo!

Srs. Deputados, vamos retomar a votação, na generalidade, do Projeto de Resolução n.º 1271/XIII/3.ª (Os

Verdes) — Recomenda ao Governo um efetivo investimento no Metropolitano de Lisboa e um plano de expansão

que sirva verdadeiramente as populações.

Páginas Relacionadas