O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

II SÉRIE-A — NÚMERO 107 2

DECRETO N.º 92/XIII

FACILITA O RECONHECIMENTO DAS QUALIFICAÇÕES PROFISSIONAIS E DIMINUI OS

CONSTRANGIMENTOS À LIVRE CIRCULAÇÃO DE PESSOAS, PROCEDENDO À TERCEIRA

ALTERAÇÃO À LEI N.º 9/2009, DE 4 DE MARÇO, E TRANSPONDO A DIRETIVA 2013/55/UE,DO

PARLAMENTO EUROPEU E DO CONSELHO, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2013, QUE ALTERA A DIRETIVA

2005/36/CE, RELATIVA AO RECONHECIMENTO DAS QUALIFICAÇÕES PROFISSIONAIS E O

REGULAMENTO (UE) N.º 1024/2012, RELATIVO À COOPERAÇÃO ADMINISTRATIVA ATRAVÉS DO

SISTEMA DE INFORMAÇÃO DO MERCADO INTERNO

A Assembleia da República decreta, nos termos da alínea c) do artigo 161.º da Constituição, o seguinte:

Artigo 1.º

Objeto

1- A presente lei procede à terceira alteração à Lei n.º 9/2009, de 4 de março (transpõe para a ordem jurídica

interna a Diretiva 2005/36/CE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 7 de setembro, relativa ao

reconhecimento das qualificações profissionais, e a Diretiva 2006/100/CE, do Conselho, de 20 de novembro,

que adapta determinadas diretivas no domínio da livre circulação de pessoas, em virtude da adesão da Bulgária

e da Roménia), alterada pelas Leis n.os 41/2012, de 28 de agosto, e 25/2014, de 2 de maio.

2- A presente lei procede ainda à transposição para a ordem jurídica interna a Diretiva 2013/55/UE, do

Parlamento Europeu e do Conselho, de 20 de novembro de 2013, que altera a Diretiva 2005/36/CE, relativa ao

reconhecimento das qualificações profissionais e o Regulamento (UE) n.º 1024/2012, relativo à cooperação

administrativa através do Sistema de Informação do Mercado Interno («Regulamento IMI»).

Artigo 2.º

Alteração à Lei n.º 9/2009, de 4 de março

Os artigos 1.º, 2.º, 3.º, 5.º, 6.º, 9.º, 10.º, 11.º, 17.º, 18.º, 21.º, 22.º, 24.º, 28.º, 30.º, 31.º, 32.º, 34.º, 35.º, 37.º,

38.º, 40.º, 41.º, 42.º, 43.º, 44.º, 46.º, 47.º, 48.º, 49.º, 51.º e 52.º da Lei n.º 9/2009, de 4 de março, alterada pelas

Leis n.os 41/2012, de 28 de agosto, e 25/2014, de 2 de maio, passam a ter a seguinte redação:

“Artigo 1.º

[…]

1- ……………………………………………………………………………………………………………………….

2- O regime referido no número anterior abrange igualmente:

a) O reconhecimento das qualificações obtidas fora da União Europeia por nacional de Estado membro

através do reconhecimento subsequente de título de formação já reconhecido noutro Estado membro com base

em experiência profissional certificada de, pelo menos, três anos, nesse mesmo Estado membro, ou com base

em reconhecimento inicial automático relativo às profissões a que se refere a secção III do capítulo III, desde

que observadas as condições aí estabelecidas;

b) O regime de acesso parcial a uma profissão regulamentada;

c) O reconhecimento de estágios profissionais realizados noutro Estado membro.

3 - O reconhecimento das qualificações profissionais permite ao titular exercer no território nacional a

profissão para a qual está qualificado no Estado membro de origem, nas mesmas condições que os profissionais

que adquiriram as qualificações naquele território, nomeadamente em regime de acesso parcial, ainda que, caso

visem estabelecer-se no território nacional, não se tenham previamente estabelecido no Estado membro de

Páginas Relacionadas
Página 0003:
9 DE MAIO DE 2017 3 origem. 4 - ……………………………………………………………………………………………………………………
Pág.Página 3
Página 0004:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 4 p) «Quadro de formação comum» um conjunto comum de conhec
Pág.Página 4
Página 0005:
9 DE MAIO DE 2017 5 pública ou à segurança dos beneficiários do serviço; d)
Pág.Página 5
Página 0006:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 6 12 - A ausência de notificação da decisão final sobre a p
Pág.Página 6
Página 0007:
9 DE MAIO DE 2017 7 possua alguma declaração de competência ou prova de qualificaçã
Pág.Página 7
Página 0008:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 8 corresponda à prevista nas alíneas d) ou e) do n.º 1 do r
Pág.Página 8
Página 0009:
9 DE MAIO DE 2017 9 atualizar os seus conhecimentos, aptidões e competências e, des
Pág.Página 9
Página 0010:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 10 aprovação em exame de admissão, de nível equivalente, a
Pág.Página 10
Página 0011:
9 DE MAIO DE 2017 11 empreender medidas em situações de crise e catástrofe;
Pág.Página 11
Página 0012:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 12 Artigo 31.º […] 1 - ………………………………………
Pág.Página 12
Página 0013:
9 DE MAIO DE 2017 13 Artigo 35.º […] 1 - A formação de médico
Pág.Página 13
Página 0014:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 14 comportamento; d) Experiência clínica adequada ob
Pág.Página 14
Página 0015:
9 DE MAIO DE 2017 15 b) N.º 3 do ponto 3 do artigo 52.º da Lei sobre as profissões
Pág.Página 15
Página 0016:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 16 Artigo 43.º […] 1 - A formação de a
Pág.Página 16
Página 0017:
9 DE MAIO DE 2017 17 2 - O exame referido no número anterior deve ser de nível univ
Pág.Página 17
Página 0018:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 18 3 - O procedimento de controlo só pode ter lugar após a
Pág.Página 18
Página 0019:
9 DE MAIO DE 2017 19 Artigo 52.º Entidade coordenadora 1 - As
Pág.Página 19
Página 0020:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 20 5 - A carteira profissional europeia constitui declaraçã
Pág.Página 20
Página 0021:
9 DE MAIO DE 2017 21 8 - Em caso de novo requerimento, as autoridades competentes n
Pág.Página 21
Página 0022:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 22 6 - Nas situações previstas nos números anteriores, em c
Pág.Página 22
Página 0023:
9 DE MAIO DE 2017 23 elementos de segurança e referência a um documento de identida
Pág.Página 23
Página 0024:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 24 5 - Os pedidos para prestação de serviços temporários e
Pág.Página 24
Página 0025:
9 DE MAIO DE 2017 25 3 - As organizações profissionais representativas a nível da U
Pág.Página 25
Página 0026:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 26 3 - As organizações profissionais de âmbito comunitário,
Pág.Página 26
Página 0027:
9 DE MAIO DE 2017 27 b) Médico especialista detentor de um dos títulos referidos no
Pág.Página 27
Página 0028:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 28 3 - As autoridades competentes devem fornecer as informa
Pág.Página 28
Página 0029:
9 DE MAIO DE 2017 29 Artigo 52.º-E Base de dados europeia sobre profissões re
Pág.Página 29
Página 0030:
II SÉRIE-A — NÚMERO 107 30 b) Comunicada à Comissão a informação prevista no n.º 3
Pág.Página 30