O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

IMARIO DO GOVERNO.

ou navegado com objecto de fazer o Ira tico de negros, será castigado, segundo as circumstnn-CÍHS, com um nnno ale de/, de prisão n* uma rasa de correcção , e mulclado de 200 n 2,000 •thalers (800, a 8,000 francos) Incorrendo também na perda do direito de cidadão, e especialmente ria do direito de aunar navios com bandeira Humbur^uezo. (J. de. Franclifort.}

. — ^Constantinopla, 29 de Junho.

O Al i N °i st R õ v 'd o s Negócios Estrangeiros Al-rned Cluílussi Bucha morreu no dia Ò, e já foi nomeado para occúpar o seu logar o Afinal Embaixador na côrle de Londres , .Mus-tafá-ílleschul-Bcy. O governo da sublimo Porta confiou-sé an seu nnVigo adversário Sarim-Effen-di , o,u'e'nté'á chegada de Reichid-Bey , finará encurie^ndo do ministério dos negócios estrangeiros. 'Al andou-se lambem chnma~r b Embaixador «m Kfariça,' Nowí/.-Efiondi -, que éstú nô-Ineado coíisellieiro deestndo com destino ao'de-partiiinento das relações exteriores.

Pnrece certo que a goleia dos Kstndo-Unidos Shark passou sem firnian os Doidnnclios, levando a seu bordo o encarregado de negócios Porler, e que por isso faltou ao ir.tctado de Unkiar-Skelessi. Com este Uiotivo se tem dirigido ulguiniis 'notas da Porta uo enrni rufado dos Negócios, e rJcste para uqticlla. A1 . l'orter parece que declarou , que o nitvio de que se •trncia nTio e' uma goleia de guerra, mas sim mn navio mercante; o qunl se tfin olhado ge-í.ilinetiit' como um reConliÊcimenle tácito deste tractado , que leni dado motivo a lunlas dispu-ta=. _ (G. cT

Jielagc>i>' dns reclaruai;óet> julgadas

.de 1837.

y-" l_^ Reclamantes.

93 JL RANCISCO Xavier da Costa Macedo, Porliijuez, julgamento ern 10 de Abril,

1:408/184 rs. em moeda portugueza, e juros 595/405 rs. .

427 José António Torres Pereira, dito, em 13 dito, 4:230/060 rs. em moeda dita, e jnros 1:787/050 rs.' '.

33 Francisco António Demichelis, dito, em 17 dito, 1:036/895 rs. ein moeda dita, e juros 438/924 rs.

189 Francisco Xavier da Costa Macedo, dito, em 27 dito, 983/250 rs. ern moeda brasileira , e-juros 469/537 rs. i

Em moeda portugueza............ 6:675/139

Em moeda brasileira............ 983/250

Eui juros...................... 3:290/916

Total............ Rs. 10:949/3.05

Rio de Janeiro, 30 de Abril de 1837. = O Cornmissario interino, jíntonio Ferreira de Noronha Peitai. .....

SERVIÇO DE MARINHA.

Registo do Porto em Qcte Jigosto de. 1837-.

EMBA1ÍCAÇÔB3 ENTRADAS.

CAMIQUE Poriugucz = Senhora do Carmo = Mestre António Macliado, de Faro em 4 dias, com fazendas, arroz, eervillia; 5 pes-sons de Irip., c 15 passag.

Baleira = Leão do Ala%= Mestre João Rafael, de Setúbal em 2 dias, com cortiça, ã pessoas de trip.

EMBARCAÇÕES SAHIDAS.

Brique de Guerra Francez — Alcibiade.

Biigue Porluguez= l£milia,= (Jnp. Rozendo António da Silva, para o Kio de Janeiro com vinho, sul, e outros géneros;. c 10 patsagei-

Galeota Hollandeza = Vriendichap= Cop1'.1 J. Kwkkelstein , para Vlaardingeíi com sal, e' fructa .'i . . ...

Cahique Portugucz = Valeriann = Mestre . Manoel Martins,, pura Laracl)e>cr>m ferro.

Bateira = Conceição Feliz =t Mestre. Frani cisco de Paula, para Setúbal em Lustro.

Bordo da Corveta D. Jo&o 1." surta na en» seada de Paço d'Arcos, 3 de Agosto dq 1837; = António Ç-abricl Pereit;a. Pessoa, Capitão de Fragata, Commandánte. >. . :v ,

AVISO.

TKRÇA feira 8 do corrente, pe/aa onze horas da manhã se hade vender em leilão. na Casa da Moedn, uma porção do bronze em bar~ rã, um annel de brilhantes, e uma pequena-quantidade' de peças de prata dourada.

n M Joaquim, moradora na rn» direita ai Gr.iç.i n." 12! , corre èililaes de 15 dias, o Juiio de Direito dil S.» Vara, Escrínio Leiria , pnra ))nilur..mnílnir livre e,itíjeo)hnríu;iiija uma propriedade de ciiiaj qui: lhe pertenceu co/iiu herdeira de D. Jusefá Vietorina de.fcsus, fita na travessa do finleleiro, como» num. èõ. e 20, è cun> freule paru « rua de Vjceníe de Boi-jii iiiiin. 78 ,"e 7:i:' qtiem liver Uireilo o pôde fazer no referi- '

Qonn pcrlc.ndiT.nrrend»r um cajal, quécpns-la de terra do semeadura, abegoaria, cfor-ISgjno mi siliu de Àlcolena , Pregueai» da Ajuda, próximo ao de Pedro Teixeira; dlrija-se á rua da Alfândega' n." 2í , Iodos os illrts de semana. ' • ' \ ..

PELO Jnizi) de Prfz íjá tVejçuezia de Sanra Mn-ri.i de Relém , no- d W 14 do corrente mez, á.» l U h(intt, na rija do cães de .Belém n... se ha de proceder a teilito dos moveis^ roupas, loiça», que pertencem £ hernnça do fallècldu Francisco Josá

nxa. ' • •___

rua dos Kttni|ariro9 n,' 79. se vende preíimto de La-ntxo, e Mol^nço u lãO.rjéis.o arraiei,' patino» de linho, tonlbus, e guardanapos, preçoí comoiodoi.

ResUmo da Receita e Despega do Hospital Nacional e Real de S.José, no mez de Junho de 1837.

RECE i T A. Prestações semanaes pelo Terreiro Publico..»

Auxilio pelo Thesouro Publico............-

Rendas de casas...........;.............

Foros c Laudemios......i..............>.

Encargos ett) Capcllas, não cumpridos.....

Esmolas, e Legados, incluindo uma Apólice

do capital de 400$000 rã..'.»............

Curas de alguns enfermos... .•.............

Quota dos lucros dasLoterias feitas pela San*

ta Cosa da M isericordia.................

Reposições..............................

Producto do cébo tirado da carne........ i.

Producto. de géneros vendidos (que já «íntra» ram nos artigos respectivos de Ileceila nci-lii n).........t .... i..................

Producto do papel-mocda rebatido......<_. p='p' i='i'>

Papel. , Total..

— S — 2:0oo$gqo

- $ - 2: 000'$ 000

- $—" 184^180. 1 ' ' '

)' '' 5'26s«'.157ô —/—' ' '223/680

200^000 5:634/530

Saldo no fim de Maio:

Jim dinheiro......

li m géneros.......

2:415^382 ---- . 36^915

Rs.

485^400 2:452/23?;

8:290^317

DE3PEZ A.

, Pão ...:................

Carne ... .*.........•....................

G ali i nhãs...............................

Arroz',' niànteiga, azeite, e outros géneros....

Medicamentos................«..........

Camas e roupas........................

Utensílios para vários serviços.............

'Ordenados de Empregados effecti vos \.......

Comedorias de ditos......................

~Tehjas, pensões, e outros encargos.........

Àbejroária......................":.'..'.-.

Papel. Total.

----$-— 119/000-

" 7/400

711^200 196^263

310/515

765/421

18/397

Obras no edifício e nos prédios............

Despézas da' Igreja.......................

Expediente da Contadoria................

Dito dê 'pleitos..........................

Combustível da illuminação...............

Reposições de quantias recebidas neste anno' Para fundos ern unia Apólice do capital dá:.

167/3*0

23/189

2/590

50 $080 400/000

207/400 5:577/800

Differença proveniente dos preços porque sa-hiram alguns géneros, quê foram avaliados

na entrada por outros preços maiores..... ~~i~^~~^'

Valor de géneros vendidos (que já.' sahiu n'a

•despeza acima)........................ , —$——

Pa'pe'1-moeda rebatido.....................' 270/QOO 270/000

Suldo no íim de Junho.............'...... *208/000 2:415/602

. Rs....:............ 685/400

* No. dinheiro existente, que declara o Saldo, se comprehendem 2:103/805 réis em Papeis de Credito, e 311/797 réis em dinheiro corrente, que taça reservado para occorrer as despezas diárias, e para contemplar em rateio os Credores, a quem se deve aproximadamente a quan-.

tia de 70:

Movimento dos Enfermos do mesmo Hospital, no dito tnaz. •

Ficaram existindo no ultimo de Maio.......j....'....'.;.'.....1:128

Entraram em toda o corrente, mez,.... v.................... 768

1:096

Sahiram curados-... <_... p='p' _716='_716' _.......='_.......' i.....j............='i.....j............' i..='i..' _....='_....'>

Falleceram......................................i....... 102

Existem......,............ -.............................l :078

Existência media do mez .. .•.

Hospital Nacional e Real de S. José', 30 de Junho de 1837. = Manoel Libaria Diriis.;= Manoel Emygdio da Silva. =s Estevão Rober-, to Pcrgotènos • • ....:'•• \ .

Estatística da.Contadoria do dito Hospital,- no referido mex.

Officiòs recebidos..................,....................... 1&

Dilos expedidos...................^...........*.. .•........ 17

Informações e contas expedidas.....j i.........j............. 18

Guias de pagamento....................•................... 45

Ordens de pagamento.....'........;.....-..................... 47

........'i j • •

Termos sobre diversos objectos...................<_.......... p='p' _23='_23'>

Despachos em Requerimentos...............................120