O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

SESSÃO DE 19 DE JANEIRO DE 1885 153

Dizer o muito, que, em quasi todos os paizes, se tem feito em relação ao problema das habitações economicas e salubres para as classes pobres, seria avolumar consideravelmente este relatorio, quando aliás ninguem contesta a utilidade do emprehendimento; não nos furtaremos, porém, a expor-vos alguns factos, que certamente contribuirão para esclarecer o assumpto.

A Inglaterra foi o paiz que primeiro se occupou da questão das habitações economicas. A enorme aglomeração do população, que constitue a cidade de Londres, indicou esta necessidade como uma medida de ordem publica e como um preceito de salubridade, porque nos bairros infectos e insalubres da grande capital a mortalidade era consideravel.
No anno de 1878 existiam em Londres 37 entidades, sociedades, individuos e administradores de legados, que tinham levantado novas construcções, ou melhorado as antigas, na importancia de cerca de 6.707:000$000 réis. As novas habitações, nas melhores circumstancias de salubridade e barateza, albergavam 7:722 familias, compostas de 36:410 individuos de todas as idades e sexos.

Para que se possam avaliar os recursos das grandes companhias constructoras de Londres, mencionaremos uma das mais importantes a Metropolitan Association.

O mappa seguinte, que se refere á sua administração durante o anno de 1870, envolve todos os elementos necessarios para a apreciarmos os seus grandes recursos, e presta-nos alguns dados muito interessantes e uteis:

----

sobre as condições sociaes e materiaes, variação d'estas condições, suas causas, e alimentação das classes trabalhadoras.

O principe de Bismarck propõe-se acordar a iniciativa individual em beneficio das classes pobres, creando excellentes elementos ácerca do trabalho para a elaboração scientifica e positiva das suas leis sociaes, cuja execução será fiscalizada por meio de inspectores especiaes.

Este plano do grande chanceller tem uma grande importancia economica, comquanto reconheçamos o que n'elle ha de politico e conservador.

Uma outra lei sobre seguros obrigatorios contra as doenças, tambem da iniciativa do chanceller, deve começar a vigorar no presente anno.

Se o operario é obrigado a segurar a saude, mediante um premio que vae de 1,5 por cento a 2 por cento do salario e varia com os sexos e com as idades, são tambem as communas, nos pontos onde não existem sociedades de soccorros mutuos, forçadas a crear caixas de soccorros, sustentadas pelos fundos communaes.

Eis em brevissima resenha os planos do principe de Bismarck, interessantissimos na sua essencia e dignos de um profundo estudo, que certamente lhe dedicará a commissão nomeada pelo ministro das obras publicas.