O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

1862

DIARIO DA CAMARA DOS SENHORES DEPUTADOS

plomatas, que hoje são mais elevados do que eram dantes.

D'aqui resulta que não só no nosso orçamento, mas em orçamentos de nações que lêem uma representação diplomatica tão modesta como a nossa, esta mudança é tão consideravel como se vê da seguinte tabella. (Leu.)

Por aqui se vê que em relação ao paiz da Belgica ha uma differença igual entre a dotação permanente na Belgica e a nossa; e ninguem póde dizer que a Belgica, que faz esta despeza, não tem uma representação que não esteja de accordo com á modestia do paiz.

0s consules belgas estão dotados com 85:000$000 réis e os nossos estão dotados com 64:000$000 réis.

Quer agora a camara saber em que se gastam estes réis 47:000$000?!

Eu passo a ler um documento que aqui tenho e por elle a camara vae conhecer que esta quantia se acha já reduzida ao minimo que póde ser para as necessidades indispensaveis. (Leu.)

Aqui tem a camara como esta verba se acha destribuida.

Estes 4:000$000 réis para um advogado, é uma despeza consular muito indispensavel, pois que v. ex.ª sabe que temos grandes interesses entregues ao foro brazileiro, e é por conseguinte necessario ter ali um advogado habil, e o que lá está é habilissimo; mas como é natural, devemos pagar-lhe bem, sendo ainda assim muito difficil conseguir que elle se não queira retirar.

Aqui está portanto a distribuição da despeza, e não me parece que haja aqui cousa alguma n'esta despeza que se possa, sem prejuizo do serviço, supprimir. (Apoiados.)

Está verba é variavel todos os annos; umas vezes é maior a despeza das viagens, outras vezes é maior a despeza das ajudas de custo; mas já vê o illustre deputado que a somma dos 47:000$000 réis não é de sobejo para as necessidades do serviço; e é assim considerada no orçamento de outras nações, nomeadamente no orçamento da Belgica que é o que se póde mais facilmente adoptar ao nosso.

O sr. Mariano de Carvalho: — Mando para a mesa a seguinte

Proposta

Proponho que de futuro se apresente sempre conjunctamente com o orçamento do ministerio dos negocios estrangeiros uma tabella das despezas de representação de cada legação, bem como que as contas da despeza do ministerio especifiquem as despezas eventuaes e extraordinarias por legações e consulados. = Mariano de Carvalho.

Foi admittida.

Posto á votação o capitulo 4.°, foi approvado.

Capitulo 5.° — Condecorações........... 2:400$000

Approvado sem discussão.

Capitulo 6.° — Empregados addidos e em inactividade........ 14:312$385

Approvado sem discussão.

Capitulo 7.° — Despezas de exercicios findos............... 500$000

Approvado sem discussão.

O sr. Presidente: — A ordem do dia para sexta feira é a continuação da que vinha para hoje e mais os projectos de lei n.º 101, 110, 111 o 124.

Está levantada a sessão.

Eram cinco horas e tres quartos da tarde.