O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

342

DIARIO DO GOVERNO.

Bettencourt,

Curry,

Osorio do Amaral,

Aguilar,

Miranda,

Sampayo e Pina,

Macedo,

Marquez de Fronteira,

Machado,

Trigueiros,

Visconde de Semodãe,

do Sobral,

Duque de Palmella.

Ficou por tanto approvado o mesmo paragrapho por 28 votos contra 18.

O Sr. Trigueiros: — Para que não fique estabelecido um precedente, que póde ser funesto de futuro, declaro que retiro o meu requerimento... (Vozes: — Qual? Qual?) O que eu tinha feito para se pôr á votação se havia logar a votar, visto que não se julgou dever consultar a Camara sobre elle.

O Sr. Secretario Bergara: — Parece-me que o que acaba de dizer o illustre Senador equivale a uma censura Mesa, de cuja boa-fé se não póde duvidar apoiados). O Sr. Trigueiros tinha direito a pedir que o seu requerimento (apresentado em outra Sessão) fosse posto a votos; mas não o tem de querer fazer recahir na Mesa uma omissão de que ella não é responsavel...

(Vozes: — Bem. Bem.)

A pedido do Sr. Pereira de Magalhães, decidio-se que tudo quanto se achasse vencido, e dissesse respeito á questão que se acabava de concluir, fosse mandado á primaria Commissão, a fim de o redigir definitivamente.

O Sr. Presidente convidou os Membros das Commissões a se reunirem, deu para ordem do dia as leituras que occorressem, e fechou a Sessão: eram tres horas.