O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

866

DIARIO DO GOVERNO.

jecto depois da primeira leitura esteve algum tempo sobre a Mesa, e não é certamente isto o que acontecerá com o do Sr. Visconde de Sá se agora mesmo for enviado á Commissão, Se a Camara entende que se deve dispensar sempre nessa formalidade do Regimento, e que não é de grande importancia que os Projectos de Lei tenham segunda leitura, mas que vão logo ás Commissões, então é melhor eliminar esta disposição; não ha nisto mal, mas de certo que não é muito bom estar continuamente a dispensar no Regimento, pelo menos é máu exemplo.

Consultada a Camara, approvou o Requerimento do Sr. Vellez Caldeira, sendo por tanto dispensada a segunda leitura do Projecto do Sr. Visconde de Sá da Bandeira, o qual foi admittido, o mandado á Commissão de Marinha.

O Sr. Mello e Carvalho: — Acha-se installada a Commissão de Infracções; e nomeou, para Presidente o Sr. Lopes Rocha, Secretario o Sr. Pereira de Magalhães, e Relator a A. de A. Mello e Carvalho. — A Camara ficou inteirada.

Devendo proseguir-se na discussão do Projecto de Regimento interno, e assumptos relativos, depois de uma questão sobre a ordem, suscitada pelo Sr. Visconde de Laborim, resolveu a Camara, approvando uma proposta do mesmo Sr. Senador — que a Mesa nomeasse uma Commissão Especial para tomar conhecimento e dar o seu parecer ácerca de todos os objectos que se acham pendentes, e dizem respeito ao mencionado Regimento. Depois de uma pequena pausa, disse o Sr. Presidente que esta Commissão seria composta dos

Srs. Miranda,

Marquez de Loulé,

Vellez Caldeira,

Barão de Villa Nova de Foscôa,

Visconde de Laborim.

Tendo dado para Ordem do dia da Sessão de 13 do corrente, a discussão do Projecto de Resposta ao Discurso do Throno, fechou esta pelas tres horas e meia.