O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 135

48

O Partido Socialista é a favor da reorganização, mas não há boa reorganização quando esta coloca em

causa o direito à saúde e aqui está em causa o direito à saúde das populações do Oeste.

Pretende o Ministério da Saúde transformar a urgência médico-cirúrgica de Torres Vedras em urgência

básica, encerrar a urgência pediátrica, o bloco de partos e, ainda, proceder ao encerramento do Hospital do

Barro…

O Sr. Bernardino Soares (PCP): — Pelos vistos, as cirurgias também vão para as Caldas!

O Sr. Nuno André Figueiredo (PS): — … e das respetivas valências, nomeadamente o excelente serviço

de medicina física e de reabilitação que ali funciona, bem como pneumologia e os espaços de internamento e

de consulta externa.

O Hospital de Torres Vedras serve, hoje, mais de 170 000 habitantes, distribuídos pelos concelhos de

Cadaval, Lourinhã, Torres Vedras e parte do concelho de Mafra.

A confirmarem-se as medidas propostas, aquilo que vai acontecer é que os utentes vão fazer longas

viagens pela A8, subindo e descendo, chegando muitos deles à urgência polivalente do Hospital de Santa

Maria, em Lisboa, num total superior a 130 km.

Não quero acreditar que os eleitos pela coligação possam ficar calados…

O Sr. Manuel Pizarro (PS): — Bem lembrado!

O Sr. Nuno André Figueiredo (PS): — … perante esta situação e não intervenham para a resolver. Não

podem dizer lá uma coisa e aqui dizer outra, porque já vos ouvi lá dizer coisas bastante distintas.

Aplausos do PS.

Quanto a nós, nesta situação sensível, inadmissível e de urgente resolução, tal como a Sr.ª Deputada

lembrou, tínhamos uma solução…

O Sr. Nuno Magalhães (CDS-PP): — Era não pagar!

O Sr. Nuno André Figueiredo (PS): — … e íamos concretizá-la, mas saímos do governo. Agora, os

senhores do atual Governo que se responsabilizem por aquilo que também prometeram, repito, por aquilo que

prometeram mas agora fazem exatamente o contrário.

Estaremos ao lado da região do Oeste.

Aplausos do PS.

A Sr.ª Presidente: — Agradeço aos Srs. Deputados que estão de pé que façam o favor de tomar os vossos

lugares. Obrigada.

Para uma intervenção, tem a palavra o Sr. Deputado José Luís Ferreira.

O Sr. José Luís Ferreira (Os Verdes): — Sr.ª Presidente, Sr.as

e Srs. Deputados: À volta do mesmo

problema, os serviços de saúde do Oeste, discutimos agora três petições, uma que pretende que o Governo

reavalie a reforma que pretende levar a cabo nos serviços de saúde do Oeste, criando um único centro

hospitalar, uma outra que pretende a manutenção do Hospital de Caldas da Rainha e, por fim, uma terceira

petição que solicita a manutenção de todos os serviços do centro hospitalar de Torres Vedras, assim como o

reforço financeiro e o reforço do número de profissionais de saúde.

No conjunto destas três petições, e como um excelente exemplo de cidadania, temos cerca de 30 000

cidadãos preocupados com as intenções do Governo relativamente aos serviços de saúde do Oeste. Portanto,

30 000 cidadãos empenhados em defender os cuidados de saúde da região, que, aliás, aproveito para saudar

em nome do Grupo Parlamentar do Partido Ecologista «Os Verdes», em particular os que estão hoje aqui

presentes.

Páginas Relacionadas
Página 0052:
I SÉRIE — NÚMERO 135 52 O Sr. Duarte Pacheco (PSD): — E, agora, têm o
Pág.Página 52
Página 0053:
26 DE JULHO DE 2012 53 Licenciou-se em Ciências Histórico-Filosóficas, em 19
Pág.Página 53