O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 28

44

Protestos da Deputada do PCP Rita Rato.

Sei que vos causa muita irritação, mas, se há medidas deste Governo que deviam ser consensuais no

sucesso que tiveram, é a das bolsas. É que em 2010 o tempo de espera médio para ter bolsa era de 102 dias

e hoje é de 30 dias.

Aplausos do PSD e do CDS-PP.

Há três anos, estávamos em janeiro e quase não havia bolsas pagas. Hoje, já há 42 000 estudantes com

bolsas decididas. Essa é que é a grande realidade!

O Sr. António Filipe (PCP): — A grande realidade é este estado de degradação!

O Sr. Duarte Filipe Marques (PSD): — E o valor médio que cada estudante recebe aumentou 20%, ou

seja, quem mais precisa tem mais dinheiro para poder estudar. E, mais importante, aumentou-se a exigência

quanto ao aproveitamento escolar e, mesmo assim, estudantes continuaram a receber mais bolsas.

Mas o mais relevante é estarmos (ou devíamos estar) aqui todos para resolver os problemas dos

estudantes e das pessoas.

O Sr. João Oliveira (PCP): — Mas os senhores só atrapalham!

O Sr. Duarte Filipe Marques (PSD): — A verdade é que, graças ao trabalho desta maioria, os estudantes

aqui presentes sempre souberam respeitar o Parlamento, com ele souberam negociar, fazer-se ouvir junto do

Governo…

O Sr. Amadeu Soares Albergaria (PSD): — Muito bem!

O Sr. Duarte Filipe Marques (PSD): — … e nunca vieram pela mão de nenhum partido interromper as

sessões do Plenário e desrespeitar a Assembleia, como as bancadas do PCP e do Bloco de Esquerda gostam

de fazer!

Aplausos do PSD e do CDS-PP.

É por isso que os mais jovens, tantas vezes criticados, são o exemplo de respeito democrático por esta

Assembleia!

Aplausos do PSD e do CDS-PP.

Protestos do PS, do PCP e do BE.

A Sr.ª Presidente (Teresa Caeiro): — Para uma intervenção, tem a palavra o Sr. Deputado Pedro Delgado

Alves.

Pausa.

Agradecia que se criassem condições para que o Sr. Deputado possa intervir.

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Sr.ª Presidente, Sr.as

e Srs. Deputados: De facto, o Sr. Deputado

Duarte Marques falou de forma tão audível que tenho a certeza de que o ouviram em Ponta Delgada.

Risos do PS e do PCP.

Páginas Relacionadas
Página 0045:
13 DE DEZEMBRO DE 2013 45 O Sr. João Oliveira (PCP): — Boa! O
Pág.Página 45
Página 0048:
I SÉRIE — NÚMERO 28 48 algumas migalhas». É isso? É que negociar com
Pág.Página 48
Página 0049:
13 DE DEZEMBRO DE 2013 49 O Sr. Duarte Filipe Marques (PSD): — Agora, a mim
Pág.Página 49