O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

16 DE ABRIL DE 2015

21

Mais, Sr.as

e Srs. Deputados da maioria: o que querem que o País pense de propostas como a do

alargamento do pré-escolar às crianças com 4 anos quando o Governo fragilizou e desinvestiu na escola a

tempo inteiro, que abrange hoje menos crianças do que no passado…

O Sr. Luís Montenegro (PSD): — Onde?

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Nas estatísticas do Ministério da Educação, Sr. Deputado! É só estudar,

Sr. Deputado!

Mas oiçam, e imaginem — se calhar, os Srs. Deputados ainda não se aperceberam, porque isto foi feito

sem ninguém saber —, o que querem que o País pense dessa proposta, quando o Governo acabou com os

descontos pelos segundos e mais filhos na mensalidade que as famílias pagam com creches em instituições

apoiadas pelo Estado?

Aplausos do PS.

Finalmente, o que quer a maioria que o País pense de propostas como a da reposição dos 4.º e 5.º

escalões do abono de família pelo próximo governo? Então agora a maioria decide pelo próximo governo o

que não fez e não quis fazer durante estes quatro anos?!

Aplausos do PS.

Protestos do PSD e do CDS-PP.

Sr.as

e Srs. Deputados: Se há uma lição que estes quase quatro anos confirmam…

Protestos do PSD e do CDS-PP.

O Sr. Presidente (António Filipe): — Sr.ª Deputada, só um momento.

Srs. Deputados, sei que o à parte é regimental, mas há uma vozearia que é excessiva e, portanto, peço

que deixemos a Sr.ª Deputada continuar e que a oiçamos.

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Muito obrigada, Sr. Presidente. Espero que este tempo não seja

descontado no tempo do Partido Socialista.

Vozes do PSD: — Ah!…

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Dizia eu, Sr.as

e Srs. Deputados, se há uma lição que estes quase

quatro anos confirmam é que destruir é fácil e rápido, reconstruir será, infelizmente, difícil e lento.

Protestos do PSD e do CDS-PP.

Ainda bem que se reconhecem nas minhas afirmações, Sr.as

e Srs. Deputados.

E se há recessões profundas não há recuperações milagrosas, Sr.as

e Srs. Deputados! Vai demorar muito

tempo…

Protestos e risos de Deputados do PSD e do CDS-PP.

Aprecio estas vossas manifestações como reconhecendo a verdade do que eu estou a dizer.

Aplausos do PS.

Páginas Relacionadas
Página 0016:
I SÉRIE — NÚMERO 73 16 Aplausos do PSD e do CDS-PP.
Pág.Página 16
Página 0017:
16 DE ABRIL DE 2015 17 Sr.as e Srs. Deputados: É tempo de pensar que os orça
Pág.Página 17
Página 0039:
16 DE ABRIL DE 2015 39 O Sr. Presidente (António Filipe): — Fica registado, Sr. Dep
Pág.Página 39
Página 0040:
I SÉRIE — NÚMERO 73 40 A Sr.ª Heloísa Apolónia (Os Verdes): —
Pág.Página 40