O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 14

22

Eliminar exames, eliminar provas, esconjurar medidas só porque foram tomadas por um Governo que não

apoiou são um exercício miudinho que banaliza a mediocridade, porque não a identifica.

O Sr. Presidente (José Manuel Pureza): — Tem de fazer o favor de terminar, Sr.ª Deputada.

A Sr.ª Nilza de Sena (PSD): — É essa mediocridade que está a ser abraçada pelo Partido Socialista, sem

pudor e sem memória.

Mas permitam-me dizer o seguinte, respondendo às esquerdas unidas: a razão pela qual um aluno faz um

exame de condução para obter a carta é para estar apto a circular em segurança nas estradas, sem colocar

vidas em perigo.

O Sr. Miguel Tiago (PCP): — Quantos exames fez? É professora universitária!

A Sr.ª Nilza de Sena (PSD): — Permitam-me uma caricatura: cirurgiões felizes, que riem às gargalhadas,

porque não fizeram provas, mas que colocam doentes em risco no bloco operatório, podem ser um bom

argumento…

A Sr.ª Mariana Mortágua (BE): — Não insulte os cirurgiões!

A Sr.ª Nilza de Sena (PSD): — … para uma qualquer peça da Deputada Catarina Martins,…

Protestos do BE.

… mas não serão, jamais, um bom prenúncio para o País que queremos e para a educação que nos

distinguirá.

Aplausos do PSD e do CDS-PP.

O Sr. Presidente (José Manuel Pureza): — Sr.ª Deputada Nilza de Sena, a Mesa regista inscrições de

quatro Srs. Deputados para pedir esclarecimentos, pelo que lhe peço que nos indique como pretende

responder.

A Sr.ª Nilza de Sena (PSD): — Conjuntamente, Sr. Presidente.

O Sr. Presidente (José Manuel Pureza): — Então, tem a palavra, em primeiro lugar, a Sr.ª Deputada Joana

Mortágua.

A Sr.ª Joana Mortágua (BE): — Sr. Presidente, Sr.ª Deputada Nilza de Sena, não sei se fez exame da 4.ª

classe. Fez? Não me diga que teve um ensino medíocre e facilitista que a trouxe até aqui? É que eu não tive e

cá cheguei!

Aplausos do BE, do PS e do PCP.

Julgo que ninguém nascido em democracia fez exame da 4.ª classe e, no entanto, temos pessoas capazes

e qualificadas neste País. Não foi por aí que a sua educação ficou coxa.

Vozes do BE: — Muito bem!

A Sr.ª Joana Mortágua (BE): — A verdade é que vir agora alegar instabilidade e decisões tomadas de

supetão, sem estudos que as pudessem fundamentar… Vale a pena recordar que foi o Governo da direita que

voltou a reintroduzir os exames da 4.ª classe, sem nenhum estudo que demonstrasse por que é que eles eram

necessários — contra, aliás, a maioria dos países europeus que já não têm exames da 4.ª classe —, sem

Páginas Relacionadas
Página 0041:
10 DE DEZEMBRO DE 2015 41 E isto só faz sentido no quadro de uma estratégia positiv
Pág.Página 41
Página 0042:
I SÉRIE — NÚMERO 14 42 Fica, assim, demonstrado que o anterior Govern
Pág.Página 42