O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

6 DE MAIO DE 2016

39

Aplausos do CDS-PP.

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Peço a palavra, Sr. Presidente.

O Sr. Presidente: — Para que efeito, Sr.ª Deputada?

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Para uma interpelação à Mesa, Sr. Presidente.

O Sr. Presidente: — Sobre a condução dos trabalhos?

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Sim.

O Sr. Presidente: — Tem a palavra.

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Sr. Presidente, o Sr. Deputado Mota Soares fez questão de dizer que o

Governo não esteve presente. O Sr. Deputado sabe que se o CDS quisesse que o Governo estivesse presente

teria escolhido uma outra figura regimental para o debate sobre estas questões.

O Sr. Presidente: — Muito obrigado.

A Sr.ª Sónia Fertuzinhos (PS): — Sr. Presidente, não deixa de ser curioso que o Sr. Deputado Mota Soares

tenha levantado esta questão quando, enquanto Ministro do Trabalho e da Segurança Social, faltou ao debate

que a então maioria marcou sobre o mesmo tema.

Aplausos do PS e do PCP.

O Sr. João Oliveira (PCP): — Muito bem lembrado!

O Sr. Presidente: — Todos conhecemos as regras destes agendamentos e, portanto, o Governo pode estar

ou não presente, depende da vontade do mesmo.

A Sr.ª Cecília Meireles (CDS-PP): — Sr. Presidente, peço a palavra para uma interpelação à Mesa.

O Sr. Presidente: — Faça favor, Sr.ª Deputada.

A Sr.ª Cecília Meireles (CDS-PP): — Sr. Presidente, só para questionar V. Ex.ª, porque penso que conhecerá

e poderá informar a Sr.ª Deputada Sónia Fertuzinhos, se seria ou não possível ao Governo, querendo, achando

esta matéria importante, relevante, estar presente e se isso tem ou não uma valoração política.

Aplausos do CDS-PP.

O Sr. Presidente: — Sr.ª Deputada, já percebemos.

No hemiciclo, há a bancada do Governo e os seus membros podem estar presentes ou ausentes. A menos

que seja obrigado a estar presente e, então, nesse caso, não pode estar ausente.

A Sr.ª Assunção Cristas (CDS-PP): — Mas, se quiser e achar importante, pode estar presente!

O Sr. Presidente: — Srs. Deputados, vamos passar ao período regimental de votações.

Antes de mais, vamos proceder à verificação do quórum de deliberação, utilizando o sistema eletrónico.

Peço aos Srs. Deputados o favor de se registarem, utilizando o ecrã tátil e, se este não funcionar, têm como

alternativa o rato.

Páginas Relacionadas
Página 0037:
6 DE MAIO DE 2016 37 O Sr. PedroMotaSoares (CDS-PP): — Sr. Presidente, Sr.as
Pág.Página 37
Página 0038:
I SÉRIE — NÚMERO 64 38 E até poderíamos ter escolhido fazer esta disc
Pág.Página 38