O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

28 DE OUTUBRO DE 2017

43

A Sr.ª Cecília Meireles (CDS-PP): — … porque, se dependesse da vontade do Governo português, lá

permaneceria.

O Sr. João Galamba (PS): — Se dependesse do Governo do CDS, nem teria saído!

A Sr.ª Cecília Meireles (CDS-PP): — É inaceitável, Srs. Deputados!

Aplausos do CDS-PP.

Protestos do PS.

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Sr. Presidente, peço a palavra para uma interpelação à Mesa.

O Sr. Presidente: — Faça favor, Sr. Deputado.

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Sr. Presidente, é só para dar nota do seguinte: concluído o debate, e

como não queríamos obstar ao uso da palavra, que fique clarificado em futura Conferência de Líderes que, neste

ponto da ordem do dia, a atribuição de tempo para discussão de votos tinha sido sempre entendida como um

momento de utilização por uma única vez pelos grupos parlamentares.

Vozes do PSD e do CDS-PP: — Não, não!

O Sr. Presidente: — Não, não, Sr. Deputado. O que está no…

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Daí eu não ter feito uso da palavra e não ter obstaculizado a utilização

da palavra por nenhum Sr. Deputado…

O Sr. Presidente: — Peço-lhe para concluir, Sr. Deputado. Não vale a pena…

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Sr. Presidente, peço desculpa…

O Sr. Presidente: — O Regimento é bem claro ao atribuir 2 minutos por grupo parlamentar.

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Sr. Presidente, com o devido respeito, posso concluir a interpelação à

Mesa?

É uma questão procedimental, regimental, acho que tem importância e o Grupo Parlamentar…

Protestos do PSD e do CDS-PP.

O Sr. Presidente: — Sr. Deputado, peço-lhe para concluir a interpelação.

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Obrigado, Sr. Presidente.

Em primeiro lugar, reitero que o Grupo Parlamentar do Partido Socialista faz esta interpelação à Mesa depois

da utilização da palavra pela Sr.ª Deputada. Não obstaculizámos a utilização da palavra por parte de ninguém.

Penso que nesta Assembleia da República se pode utilizar da palavra para fazer uma interpelação regimental…

O Sr. Presidente: — Muito obrigado, Sr. Deputado. Já percebemos…

O Sr. Pedro Delgado Alves (PS): — Sr. Presidente, peço desculpa, mas, com todo o respeito, deixe-me

concluir a interpelação à Mesa. É uma questão que o Partido Socialista gostaria de deixar registada…

Protestos do PSD e do CDS-PP.

Páginas Relacionadas
Página 0026:
I SÉRIE — NÚMERO 14 26 Estes atrasos causam um problema a quem quer f
Pág.Página 26
Página 0027:
28 DE OUTUBRO DE 2017 27 que estes profissionais possam concluir os seus ciclos de
Pág.Página 27