O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 61

38

A raia do interior perde serviços, públicos e privados, simbolizados no recente encerramento da agência da

Caixa Geral de Depósitos de Almeida, qual sinal político de que aquelas terras são para fechar ao futuro.

À raia só faltava esta. De Espanha, onde às escondidas, antes, se ia ganhar o pão, fintando a Guardia Civil

e a Guarda Fiscal, vem agora uma ameaça silenciosa que põe fim à esperança legítima de um tempo novo.

Se Retortillo fica a 40 km de Almeida, Alameda de Gardón está ali à vista de S. Pedro do Rio Seco, a terra

natal de Eduardo Lourenço, esse enorme cidadão do mundo, europeu pela cultura, mas raiano pelo coração.

Aplausos do PS.

Juntos podemos fazer uma raia de oportunidades, e uma raia de oportunidades quer dizer vizinhança

consequente com Espanha, respeito pelos nossos valores.

A raia é um elemento central de um território transfronteiriço de Salamanca a Coimbra, base da singularidade

programática da pré-candidatura da Guarda a Capital Europeia da Cultura 2027.

Entretanto, reassumiu a presidência o Presidente, Ferro Rodrigues.

O Sr. Presidente: — Peço-lhe para terminar, Sr. Deputado.

O Sr. Santinho Pacheco (PS): — Termino já, Sr. Presidente.

Como escreveu um dia Eduardo Lourenço, em política, a dimensão simbólica é sempre essencial. Uma crise,

em termos políticos, não o é a não ser que exista uma perceção pública.

O Sr. Presidente da República, a Assembleia da República e o Governo, os autarcas e as populações, a

comunicação social e o País como um todo devem exigir e defender para que toda a Europa ouça: queremos a

raia de Espanha verde, limpa e viva!

Aplausos do PS, tendo os Deputados Helena Roseta e João Soares aplaudido de pé.

O Sr. Presidente: — Para uma segunda intervenção, tem a palavra a Sr.ª Deputada Patrícia Fonseca, do

CDS-PP.

A Sr.ª PatríciaFonseca (CDS-PP): — Sr. Presidente, Srs. Deputados: No final deste debate, registo com

agrado que o Parlamento é unânime no seu objetivo de que os protocolos de cooperação sejam cumpridos e

que Portugal adote uma posição firme e decidida para que Espanha não volte a ignorar Portugal nestas matérias.

Srs. Deputados, o CDS considera que este debate deve ser feito com a maior seriedade que este assunto

impõe e não com alarme social ou com populismos, que não servem o interesse nacional.

Aplausos do CDS-PP.

O Sr. Presidente: — Para uma segunda intervenção, tem a palavra a Sr.ª Deputada Heloísa Apolónia.

A Sr.ª HeloísaApolónia (Os Verdes): — Sr. Presidente, Srs. Deputados: Julgo, Sr.ª Deputada Patrícia

Fonseca, que ninguém considerará um alarmismo se Os Verdes afirmarem que falarmos de uma mina de urânio

a céu aberto é falarmos de algo muito sério em termos de segurança do território, de saúde pública e ambiental

e é falarmos de radioatividade e de uma hipotética contaminação por metais pesados.

O Sr. DuarteFilipeMarques (PSD): — Isso não é verdade!

A Sr.ª HeloísaApolónia (Os Verdes): — Por isso, é inaceitável que o Governo PSD/CDS não tenha feito

rigorosamente nada relativamente a esta matéria e será inaceitável se o Governo do PS não fizer nada sobre

esta matéria.

O Sr. JoãoDias (PCP): — Bem lembrado!

Páginas Relacionadas
Página 0056:
I SÉRIE — NÚMERO 61 56 O Sr. Luís Soares (PS): — Sr. Presidente, Sr.a
Pág.Página 56
Página 0057:
17 DE MARÇO DE 2018 57 Esta é a realidade. E temos duas hipóteses: ou fechamos os o
Pág.Página 57
Página 0058:
I SÉRIE — NÚMERO 61 58 O Sr. João Oliveira (PCP): — Exatamente
Pág.Página 58
Página 0059:
17 DE MARÇO DE 2018 59 A docência no ensino não superior é exercida na confluência
Pág.Página 59
Página 0060:
I SÉRIE — NÚMERO 61 60 A dignificação e valorização da classe docente
Pág.Página 60
Página 0061:
17 DE MARÇO DE 2018 61 A Sr.ª Maria Germana Rocha (PSD): — Portanto, pelo en
Pág.Página 61
Página 0062:
I SÉRIE — NÚMERO 61 62 Vozes do PCP: — Muito bem! <
Pág.Página 62