O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

I SÉRIE — NÚMERO 24

8

Protestos do PS e do BE.

O Sr. Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares: — Que vergonha de intervenção, Sr. Deputado!

O Sr. Presidente: — Tem, agora, a palavra o Sr. Deputado Pedro Filipe Soares.

O Sr. Pedro Filipe Soares (BE): — Sr. Presidente, ainda nos lembramos de quando o PSD e o CDS

deixaram, por exemplo, carros de polícia sem manutenção,…

Vozes do PSD: — E agora?! Estão todos encostados!

O Sr. Pedro Filipe Soares (BE): — … esquadras sem dinheiro para gasóleo, com incapacidade de garantir

a segurança das pessoas. E a verdadeira «animalice» é continuarem a empatar, neste Parlamento, a Comissão

que pode fazer a diferença no combate à corrupção.

Não branqueamos esse passado da direita e cá estaremos para garantir que o combate à corrupção existe.

Sabemos que, nas escolhas difíceis de um Orçamento do Estado, quando o PSD e o CDS-PP cortavam

salários e pensões, também cortavam no combate à corrupção e na defesa das populações. Ora, fazendo

escolhas difíceis, nós conseguimos recuperar salários, recuperar pensões e aumentar também o investimento

na segurança das populações.

Aplausos do BE.

O Sr. Presidente: — Tem a palavra o Sr. Deputado Nuno Magalhães.

O Sr. Nuno Magalhães (CDS-PP): — Sr. Presidente, Srs. Deputados, vamos a factos: segundo o Presidente

do Sindicato dos Oficiais de Polícia, estamos piores do que no tempo da troica; em Sintra, entre carros avariados

há mais de oito meses, porque não há dinheiro para os arranjar, há apenas dois carros para toda a Divisão de

Polícia de Sintra.

O Sr. Fernando Rocha Andrade (PS): — Isso não são factos!

O Sr. Nuno Magalhães (CDS-PP): — No tempo da troica, Sr. Deputado Pedro Filipe Soares, cortámos, sim

senhor!

O Sr. Pedro Filipe Soares (BE): — Cortaram, e muito!

O Sr. Nuno Magalhães (CDS-PP): — Cortámos, porque os vossos aliados de hoje levaram o País à

bancarrota!

Protestos do BE.

Cortámos em tudo! Em tudo, não, Sr. Deputado! Cortámos em tudo, exceto — sabe onde? — na soberania,

no Ministério da Justiça e no Ministério da Administração Interna, que nunca viram o seu orçamento reduzido,

ao contrário dos demais ministérios! É bom que se lembre disso!

Aplausos do CDS-PP.

Protestos do BE.

O Governo do Bloco de Esquerda é um Governo que corta nas polícias, corta no combate à corrupção; o

Governo que tirou Portugal da bancarrota não cortou. É uma diferença muito grande!

Páginas Relacionadas
Página 0050:
I SÉRIE — NÚMERO 24 50 … e também à coesão do território a que este O
Pág.Página 50