O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

28 DE JUNHO DE 2019

13

Se não o entende, se ainda não percebeu a importância destes números, venha daí, venha connosco ao

interior do País, para ver como as coisas ali funcionam.

Risos do PSD.

Em relação às unidades de saúde familiar, em 2015, havia 90 000 doentes sem médico de família na zona

Centro. Hoje, são 40 000, tendo havido uma redução de 45%. As unidades de saúde familiar eram 87 na zona

Centro; agora são 114, tendo havido um aumento de 24%.

Estamos a falar, portanto, de acesso, estamos a falar de aposta nas pessoas. É isto que este Governo está

a fazer. E se o Sr. Deputado tem dúvidas, vá ao Centro do País, fale com as populações carenciadas e perceberá

que estão a ser garantidos os cuidados de saúde no seu próprio domicílio.

Protestos do PSD.

Aplausos do PS.

O Sr. Presidente (José de Matos Correia): — Tem, agora, a palavra, para responder, o Sr. Deputado Ricardo

Baptista Leite.

O Sr. Ricardo Baptista Leite (PSD): — Sr. Presidente, Sr.as e Srs. Deputados, agradeço as perguntas

colocadas.

Começando por responder ao Sr. Deputado João Dias, devo dizer que, de facto, havia alguma esperança de

que o Partido Comunista, ao fazer parte de um Governo, pudesse trazer todas as suas promessas de décadas

e que estas se fossem, finalmente, concretizadas. Mas foi a desilusão, foi o falhanço.

Protestos do BE, do PCP e de Os Verdes.

Volvidos quatro anos, promovemos um debate sobre o acesso à saúde, sobre as dificuldades que as pessoas

estão a sentir, e o foco do Sr. Deputado é uma lei de bases que não vai resolver problema algum. Digo mais,

Sr. Deputado: se o Sr. Deputado, que eu saiba, é enfermeiro, porque é que não diz uma palavra sobre os

enfermeiros? Porque é que não fala até de algo que lhe é caro, que são os enfermeiros de família? É que havia

35 programas-piloto para criar enfermeiros de família e os senhores acabaram com todos! Os senhores,

juntamente com o Partido Socialista, não permitiram que estes programas continuassem.

Sabe, Sr. Deputado, quando fala em carreiras, é muito curioso, porque, quando olhamos para a história do

Serviço Nacional de Saúde, é muito claro que foi o Partido Social Democrata que as criou e que, no último

Governo, com todas as dificuldades, as desbloqueou. Se hoje estamos a avançar, ainda foi graças a isso.

Protestos do PS, do BE, do PCP e de Os Verdes.

Respondendo agora ao Sr. Deputado José Luís Ferreira, do Partido Ecologista «Os Verdes», dou-lhe as

boas-vindas porque, em quatro anos, é a primeira vez que me questiona sobre saúde. Bem-vindo ao debate!.

O Sr. José Luís Ferreira (Os Verdes): — Falo sempre de saúde!

O Sr. Ricardo Baptista Leite (PSD): — Aquilo que diz é particularmente relevante, entroncando, aliás,

naquilo de que a Sr.ª Deputada Elza Pais aqui falou, que são os cuidados de saúde primários. É que, de facto,

os Srs. Deputados fazem parte de uma coligação que prometeu acabar com as dificuldades no acesso ao médico

de família.

Vozes do PSD: — É verdade! Bem lembrado!

Páginas Relacionadas
Página 0002:
I SÉRIE — NÚMERO 101 2 O Sr. Presidente (Jorge Lacão): — Sr.as e Srs.
Pág.Página 2
Página 0003:
28 DE JUNHO DE 2019 3 Orçamentos do Estado, um após o outro, aprovados sempre com o
Pág.Página 3
Página 0004:
I SÉRIE — NÚMERO 101 4 Falhou o Governo na essência da sua missão, po
Pág.Página 4
Página 0005:
28 DE JUNHO DE 2019 5 Precisamos de um Governo que garanta que todas as consultas,
Pág.Página 5
Página 0008:
I SÉRIE — NÚMERO 101 8 Protestos da Deputada do PS Eurídice Pe
Pág.Página 8
Página 0009:
28 DE JUNHO DE 2019 9 Vozes do PSD: — É verdade! O Sr. Ricardo Baptis
Pág.Página 9
Página 0010:
I SÉRIE — NÚMERO 101 10 A Sr.ª Carla Cruz (PCP): — O PSD e o C
Pág.Página 10
Página 0014:
I SÉRIE — NÚMERO 101 14 O Sr. Ricardo Baptista Leite (PSD): — Diziam
Pág.Página 14
Página 0017:
28 DE JUNHO DE 2019 17 O Sr. Presidente (José de Matos Correia): — Sr. Deput
Pág.Página 17
Página 0018:
I SÉRIE — NÚMERO 101 18 Termino, dirigindo-me ao Deputado Luís Graça,
Pág.Página 18