O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

12 DE MARÇO DE 2021

57

O Sr. Duarte Alves (PCP): — Sr.ª Presidente, termino dizendo que aquilo que pretendemos é que não se

apliquem estas medidas, que são desproporcionais face aos seus objetivos. Quanto às grandes empresas, não

se aplica o SAF-T, mas, sim, normas de contabilidade…

A Sr.ª Presidente (Edite Estrela): — Tem de concluir, Sr. Deputado.

O Sr. Duarte Alves (PCP): — E, portanto, aquilo que defendemos é que se respeite a lei de 2019, com a

solução que for encontrada.

Aplausos do PCP.

A Sr.ª Presidente (Edite Estrela): — Srs. Deputados, chegámos ao fim do ponto 6 da nossa agenda.

Passamos ao ponto 7, para o qual não está atribuído tempo para discussão da Proposta de Resolução n.º

10/XIV/1.ª (GOV) — Aprova o Protocolo de Adesão ao Acordo Comercial entre a União Europeia e os Seus

Estados-Membros, por um lado, e a Colômbia e o Peru, por outro, para ter em conta a adesão do Equador,

assinado em 11 de novembro de 2016, em Bruxelas.

Vamos, então, passar ao último ponto da nossa ordem de trabalhos, que são as votações regimentais. Espero

que todos os grupos parlamentares estejam preparados.

Começamos pelo Projeto de Voto n.º 488/XIV/2.ª (apresentado pela Comissão de Educação, Ciência,

Juventude e Desporto e subscrito por Deputados do PSD e do PS) — De pesar pelo falecimento de Alfredo

Quintana.

Antes de pedir à Sr.ª Secretária Maria da Luz Rosinha para ler este projeto de voto, informo a Câmara de

que se encontram presentes familiares e amigos, designadamente a viúva Raquel Ferreira, a mãe, Sílvia Bravo,

o pai, Eduardo Quintana, o irmão, Eduardo Quintana, o Prof. José Magalhães, amigo da família, o Eng.º António

Borges, Vice-presidente do Futebol Clube do Porto e o Sr. Juiz Desembargador Pedro Mourão, Presidente da

Assembleia-Geral da Federação Portuguesa de Andebol.

Tem a palavra a Sr.ª Secretária Maria da Luz Rosinha para fazer a leitura do projeto de voto.

A Sr.ª Secretária (Maria da Luz Rosinha): — Sr.ª Presidente, Srs. Deputados, o projeto de voto é do seguinte

teor:

«Faleceu, no passado dia 26 de fevereiro, Alfredo Eduardo Quintana Bravo, uma referência do andebol

português.

Atleta de exceção, Alfredo Quintana nasceu em Havana, Cuba, em 20 de março de 1988, onde iniciou a sua

carreira desportiva.

Em 2010, Alfredo Quintana chegou a Portugal para integrar, como guarda-redes, o plantel do Futebol Clube

do Porto, clube que representava à data do seu falecimento e pelo qual conquistou seis Campeonatos, uma

Taça de Portugal e três Supertaças.

Optando por Portugal, onde conheceu a mulher, Raquel Ferreira, e constituiu família, Alfredo Quintana veio

a adquirir a nacionalidade portuguesa por naturalização, o que lhe permitiu ser convocado para a Seleção

Nacional de Andebol em 2014.

Como jogador internacional, Alfredo Quintana contribuiu para a evolução e afirmação de Portugal na

modalidade, tendo sido decisivo para a obtenção das melhores classificações de sempre da equipa das 'quinas':

o sexto lugar no Campeonato Europeu de 2020 e o décimo no Campeonato Mundial de 2021.

O seu desaparecimento, repentino e prematuro, a menos de um mês de completar 33 anos, chocou o País

e, em particular, a comunidade desportiva.

A Assembleia da República, reunida em sessão plenária, expressa o seu pesar pelo falecimento de Alfredo

Quintana, endereçando à família e amigos, bem como ao Futebol Clube do Porto e à Federação de Andebol de

Portugal, as mais sentidas condolências.»

A Sr.ª Presidente (Edite Estrela): — Muito obrigada, Sr.ª Secretária.

Vamos votar a parte deliberativa deste projeto de voto.

Páginas Relacionadas
Página 0058:
I SÉRIE — NÚMERO 50 58 Submetida à votação, foi aprovada por u
Pág.Página 58
Página 0059:
12 DE MARÇO DE 2021 59 Assim, a Assembleia da República reunida em sessão plenária,
Pág.Página 59