O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

19 DE JANEIRO DE 2013

21

Artigo 45.º

Citação do demandado

1 – Caso o demandado não esteja presente aquando da apresentação do requerimento, a secretaria cita-o

para que este tome conhecimento de que contra si foi instaurado um processo, enviando-lhe cópia do

requerimento do demandante.

2 – Da citação devem constar a data da sessão de conciliação, o prazo para apresentação da contestação

e as cominações em que incorre no caso de revelia.

3 – Se o arguido não estiver presente aquando da apresentação da acusação a secretaria notifica-o dando-

lhe conhecimento desta com cópia.

Artigo 46.º

Formas de citação e notificação

1 – As citações podem ser efetuadas por via postal, podendo, em alternativa, ser feitas pessoalmente, pelo

funcionário.

2 – Não é admitida a citação edital.

3 – As notificações podem ser efetuadas pessoalmente, por telefone, telecópia, correio eletrónico ou via

postal e poderão ser dirigidas para o domicílio ou, se for do conhecimento da secretaria, para o local de

trabalho do demandado.

4 – Não há lugar à expedição de cartas rogatórias e precatórias.

Artigo 47.º

Contestação

1 – A contestação pode ser apresentada por escrito ou verbalmente, caso em que será reduzida a escrito

pelo funcionário, no prazo de 10 dias a contar da citação.

2 – Não há lugar à prorrogação do prazo para apresentar a contestação.

3 – O demandante é imediatamente notificado da contestação e, se não o houver sido anteriormente, da

data da sessão de conciliação.

Artigo 48.º

Reconvenção

1 – Não se admite a reconvenção, exceto quando o demandado se propõe obter a compensação ou tornar

efetivo o direito a benfeitorias ou despesas relativas à coisa cuja entrega lhe é pedida.

2 – O demandante pode, caso haja reconvenção, responder à mesma no prazo de 10 dias contados da

notificação da contestação.

Secção III

Conciliação e mediação

Artigo 49.º

Conciliação

1 – A fase de conciliação é obrigatória.

2 – Terminada a fase em suporte escrito, o juiz de paz inteira-se do processo, convoca as partes e

diligencia pessoalmente no sentido da sua conciliação.

Páginas Relacionadas
Página 0009:
19 DE JANEIRO DE 2013 9 2 – As atuais delegações dos serviços, com a participação d
Pág.Página 9
Página 0010:
II SÉRIE-A — NÚMERO 68 10 limitações de que padece o atual sistema, p
Pág.Página 10
Página 0011:
19 DE JANEIRO DE 2013 11 Artigo 3.º Criação e instalação 1 – O
Pág.Página 11
Página 0012:
II SÉRIE-A — NÚMERO 68 12 Artigo 7.º Competência em razão do v
Pág.Página 12
Página 0013:
19 DE JANEIRO DE 2013 13 Artigo 9.º Competência em matéria penal
Pág.Página 13
Página 0014:
II SÉRIE-A — NÚMERO 68 14 4 – No caso de o demandado ser uma pessoa c
Pág.Página 14
Página 0015:
19 DE JANEIRO DE 2013 15 2 – Os serviços previstos no número anterior podem ser com
Pág.Página 15
Página 0016:
II SÉRIE-A — NÚMERO 68 16 Secção II Juízes de paz <
Pág.Página 16
Página 0017:
19 DE JANEIRO DE 2013 17 Artigo 26.º Critérios de juízo 1 – Co
Pág.Página 17
Página 0018:
II SÉRIE-A — NÚMERO 68 18 Artigo 31.º Requisitos e pressuposto
Pág.Página 18
Página 0019:
19 DE JANEIRO DE 2013 19 3 – Compete ao mediador organizar e dirigir a mediação, co
Pág.Página 19
Página 0020:
II SÉRIE-A — NÚMERO 68 20 Capítulo VI Processo S
Pág.Página 20
Página 0022:
II SÉRIE-A — NÚMERO 68 22 Artigo 50.º Mediação 1
Pág.Página 22
Página 0023:
19 DE JANEIRO DE 2013 23 Secção IV Julgamento em primeira instância <
Pág.Página 23
Página 0024:
II SÉRIE-A — NÚMERO 68 24 Artigo 60.º Valor da sentença
Pág.Página 24
Página 0025:
19 DE JANEIRO DE 2013 25 3 – Se, por qualquer motivo, um processo houver de seguir
Pág.Página 25