O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

28 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013

A presente proposta lei pretende fixar o regime excecional à Lei n.º 68/2013, de 29 de Agosto, que, entre outras normas, estabelece uma nova duração do período normal de trabalho dos trabalhadores em funções públicas, alargando-o das trinta e cinco horas semanais e sete diárias para as quarenta semanais e oito diárias.

Na sua exposição de motivos, informa a Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores que esta lei ao aplicar-se de forma direta a todos os serviços e organismos da administração pública, incluindo os das regiões autónomas, não teve em conta as necessidades laborais dos serviços da administração regional da Região Autónoma dos Açores, de forma a permitir, aos seus órgãos decisórios, a possibilidades de continuar a dispor de horários de trabalho mais ajustados às suas particularidades, necessidades e especificidades.

A presente iniciativa refere também, que em virtude da Constituição da República Portuguesa e do Estatuto Político-Administrativo da Região Autónoma dos Açores, deverá caber aos órgãos de governo próprio da Região promover e executar as medidas mais adequadas, com o intuito de obter uma maior eficiência, eficácia e produtividade dos seus serviços públicos, assim como dos seus trabalhadores, medidas que nunca deverão ser subtraídas ao seu poder decisório.

Nestes termos, a iniciativa legislativa ora em apreço visa solicitar que a Lei n.º 68/2013, de 29 de agosto, na parte em que alarga o período normal de trabalho dos trabalhadores em funções públicas, não se aplique aos trabalhadores da administração regional da Região Autónoma dos Açores, mantendo-se em vigor as disposições legais anteriormente aplicáveis.

PARTE II – OPINIÃO DA DEPUTADA AUTORA DO PARECER A autora do parecer reserva a sua opinião para o debate. PARTE III – CONCLUSÕES A Comissão de Orçamento, Finanças e Administração Pública, em reunião realizada no dia 18 de dezembro de 2013, aprova a seguinte conclusão e parecer: A Proposta de Lei n.º 180/XII/3.ª, apresentada pela Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores que estabelece a duração do período normal de trabalho dos trabalhadores em funções públicas na Região Autónoma dos Açores reúne os requisitos constitucionais e regimentais para ser agendado para apreciação pelo Plenário da Assembleia da República, reservando os grupos parlamentares as suas posições e decorrente sentido voto para o debate.

Palácio de S. Bento, 18 de dezembro de 2013. A Deputada Autora do Parecer, Elsa Cordeiro — O Presidente da Comissão, Eduardo Cabrita.

Nota: O parecer foi aprovado por unanimidade.

Consultar Diário Original

Páginas Relacionadas
Página 0026:
26 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 O artigo 33.º da Lei n.º 97/2013, de
Pág.Página 26
Página 0027:
27 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 (ESTABELECE A DURAÇÃO DO PERÍODO NOR
Pág.Página 27
Página 0029:
29 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 Nota Técnica Indice I. A
Pág.Página 29
Página 0030:
30 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 II. Apreciação da conformidade dos r
Pág.Página 30
Página 0031:
31 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 Verificação do cumprimento da lei form
Pág.Página 31
Página 0032:
32 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 O RCTFP, no desenvolvimento da Lei n
Pág.Página 32
Página 0033:
33 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 Enquadramento doutrinário/bibliográfic
Pág.Página 33
Página 0034:
34 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 Resumo: Neste comentário aos artigos
Pág.Página 34
Página 0035:
35 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 exercem funções públicas, sobre quai
Pág.Página 35
Página 0036:
36 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 semanais; direito a férias anuais, d
Pág.Página 36
Página 0037:
37 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 e uma duração máxima de trabalho seman
Pág.Página 37
Página 0038:
38 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 Quanto ao setor público, a média sem
Pág.Página 38
Página 0039:
39 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 Considera-se como tempo de trabalho
Pág.Página 39
Página 0040:
40 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 Já no setor privado, a duração máxim
Pág.Página 40
Página 0041:
41 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 Tempo de trabalho – tempo durante o qu
Pág.Página 41
Página 0042:
42 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 REINO UNIDO19 De acordo com o ponto
Pág.Página 42
Página 0043:
43 | II Série A - Número: 037 | 19 de Dezembro de 2013 V. Consultas e contributos Consu
Pág.Página 43