O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

332 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015

Categorias Subcategorias Qualificações mínimas (em alternativa, exceto em caso de reserva de atividade)  Engenheiro eletrotécnico sénior, até à classe 9  Engenheiro eletrotécnico conselheiro, até à classe 9  Engenheiro eletrotécnico com, pelo menos, 10 anos de experiência até à classe 9  Engenheiro eletrotécnico, até à classe 8  Engenheiro técnico de energia e sistemas de potência especialista, até à classe 9  Engenheiro técnico de energia e sistemas de potência sénior, até à classe 9  Engenheiro técnico de energia e sistemas de potência, com, pelo menos 13 anos de experiência, até à classe 9  Engenheiro técnico de energia e sistemas de potência, com, pelo menos, 5 anos de experiência, até à classe 8  Engenheiro técnico de energia e sistemas de potência, apenas classe 6 5.ª - Outros trabalhos

1.ª - Demolições [»] 2.ª - Movimentação de terras [»] 3.ª - Túneis e outros trabalhos de geotecnia  Engenheiro civil especialista, até à classe 9  Engenheiro civil sénior, até à classe 9  Engenheiro civil conselheiro, até à classe 9  Engenheiro civil com, pelo menos, 10 anos de experiência até à classe 9  Engenheiro civil, até à classe 8  Engenheiro técnico civil especialista, até à classe 9  Engenheiro técnico civil sénior, até à classe 9  Engenheiro técnico civil, com, pelo menos 13 anos de experiência, até à classe 9  Engenheiro técnico civil com, pelo menos cinco anos de experiência, até à classe 8  Engenheiro técnico civil, até à classe 6  Licenciado em geologia, apenas classe 6  Engenheiro de geologia e minas especialista, até à classe 9  Engenheiro de geologia e minas sénior, até à classe 9  Engenheiro de geologia e minas conselheiro, até à classe 9  Engenheiro de geologia e minas com, pelo menos 10 anos de experiência, até à classe 9  Engenheiro de geologia e minas, até à classe 8  Engenheiro técnico de geotécnica e minas especialista, até à classe 9  Engenheiro técnico de geotécnica e minas sénior, até à classe 9  Engenheiro técnico de geotécnica e minas com, pelo menos 13 anos de experiência, até à classe 9  Engenheiro técnico de geotécnica e minas com, pelo menos, cinco anos de experiência, até à classe 8  Engenheiro técnico de geotécnica e minas, apenas classe 6 4.ª - Fundações especiais [»] 5.ª - Reabilitação de elementos estruturais de betão [»] 6.ª - Paredes de contenção e ancoragens [»] 7.ª – Drenagens e tratamento de taludes [»] 8.ª - Armaduras para betão armado [»] 9.ª - Reparações e tratamentos superficiais em estruturas metálicas [»] 10.ª - Cofragens [»] 11.ª - Impermeabilizações e isolamentos [»]

Páginas Relacionadas
Página 0334:
334 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 PROPOSTA DE LEI N.º 288/XII (4.ª) (PRO
Pág.Página 334
Página 0335:
335 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 qual se adita mais uma alínea (com con
Pág.Página 335
Página 0336:
336 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 Constitucionais, Direitos, Liberdades
Pág.Página 336
Página 0337:
337 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 Data de admissão: 4 de março de 2015 C
Pág.Página 337
Página 0338:
338 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 O novo regime inclui ainda a verificaç
Pág.Página 338
Página 0339:
339 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015  Verificação do cumprimento da lei fo
Pág.Página 339
Página 0340:
340 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 O Decreto Regulamentar 2/2013, de 18 d
Pág.Página 340
Página 0341:
341 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 Administração Interna, determinaram qu
Pág.Página 341
Página 0342:
342 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 Nos termos do n.º 1 do artigo 79.º do
Pág.Página 342
Página 0343:
343 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 familiares, a concessão de plenos dire
Pág.Página 343
Página 0344:
344 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 nos termos previstos na Diretiva, e da
Pág.Página 344
Página 0345:
345 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 Esta diretiva estabelece um procedimen
Pág.Página 345
Página 0346:
346 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 O artigo 25 bis da ‘Lei sobre os direi
Pág.Página 346
Página 0347:
347 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 - A autorização de residência "emprega
Pág.Página 347
Página 0348:
348 | II Série A - Número: 093 | 13 de Março de 2015 IV. Iniciativas legislativas e petiçõe
Pág.Página 348