O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

14 DE OUTUBRO DE 2020

11

oportunidades comerciais e sensibilizando, a nível nacional, regional e local, a divulgação de boas práticas em matéria de prevenção do desperdício alimentar14.

De forma a cumprir as metas traçadas relativas ao desperdício alimentar previsto nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), a CE:

• Desenvolveu uma metodologia comum harmonizada da UE com o intuito de medir o desperdício

alimentar, facilitando a doação de alimentos e a utilização segura de recursos alimentares de produção de alimentos para animais; melhorou a utilização da sinalização da data por todos os intervenientes na cadeia alimentar; criou em 2016 a Plataforma da UE para as Perdas e o Desperdício de Alimentos em que participam os Estados-Membros e as partes interessadas com o objetivo de apoiar o cumprimento do ODS relativo ao desperdício alimentar, através da partilha de melhores práticas e da avaliação dos progressos realizados ao longo do tempo;

• Tomou medidas de clarificação da legislação da UE relativa aos resíduos, aos géneros alimentícios e aos alimentos para animais e facilitar a doação de alimentos, bem como a utilização de restos de géneros alimentícios e de subprodutos provenientes da cadeia alimentar na produção de alimentos para animais, sem comprometer a segurança dos alimentos para consumo humano e animal. A ação da CE e Estados-Membros é crítica nos domínios em que o desperdício alimentar pode resultar da forma como a sua legislação é interpretada ou aplicada, especialmente nos casos das regras aplicáveis à doação de alimentos aos bancos alimentares e à utilização de alimentos seguros que não foram vendidos como recurso na alimentação para animais;

• Analisou alternativas de melhoria para a utilização da indicação da data pelos intervenientes na cadeia alimentar e a sua compreensão pelos consumidores, com destaque para o rótulo «consumir de preferência antes de» 15.

Em 2008, a Diretiva-Quadro Resíduos, introduziu novas medidas especificamente destinadas a prevenir o

desperdício alimentar, designadamente a obrigação de os Estados-Membros monitorizarem e avaliarem a execução das suas medidas de prevenção de resíduos alimentares através da medição dos níveis de resíduos alimentares, com base numa metodologia comum e comunicarem esses dados à Comissão16. Os dados devem ser acompanhados de um relatório de controlo de qualidade.

Lançada em 2009, a Semana Europeia Anual para a Redução dos Resíduos (EWWR) conta com mais de 25 000 ações de comunicação implementadas em 28 países. Coordenada pela Associação das Cidades e Regiões para a Reciclagem e Gestão Sustentável dos Recursos (ACR+), a semana faz parte de um esforço pan-europeu alargado para reduzir os resíduos e melhorar a gestão dos resíduos. Outra iniciativa de sensibilização pan-europeia é a campanha «Generation Awake» da Comissão Europeia, que promove a utilização sustentável dos recursos naturais.

Em janeiro de 2012, o Parlamento Europeu (PE) adotou a «resolução sobre como evitar o desperdício de alimentos: estratégias para melhorar a eficiência da cadeia alimentar na UE», onde solicita à CE a adoção de medidas concretas, destinadas a reduzir para metade o desperdício de alimentos até 2025. O PE solicitou ainda à CE que analisasse toda a cadeia alimentar, desde a exploração agrícola até à mesa do consumidor, a fim de identificar os setores o desperdício de alimentos tem maior incidência. Com base nesta análise, devem ser criados objetivos específicos em matéria de prevenção do desperdício de alimentos para os Estados Membros.

Em junho de 2016, o Conselho adotou conclusões que definem iniciativas destinadas a reduzir as perdas e desperdícios alimentares17, pretendendo:

• melhorar a vigilância e recolha de dados a fim de melhor compreender a problemática;

14 http://ec.europa.eu/food/safety/food_waste/stop/index_en.htm 17 15 Comunicação Da Comissão Ao Parlamento Europeu, Ao Conselho, Ao Comité Económico E Social Europeu E Ao Comité Das Regiões COM(2015) 614 final: Fechar o ciclo – plano de ação da UE para a economia circular 16 O modelo a utilizar pelos Estados-Membros para a comunicação de dados relativos aos níveis de resíduos alimentares deve ter em conta as metodologias estabelecidas na Decisão Delegada (UE) 2019/1597 da Comissão. A Decisão de execução (UE) 2019/2000 da Comissão de 28 de novembro de 2019 estabelece um modelo para a comunicação de dados sobre resíduos alimentares e para a apresentação de relatórios de controlo de qualidade em conformidade com a Diretiva 2008/98/CE do Parlamento Europeu e do Conselho. 17 Perdas e desperdícios alimentares: avaliação dos progressos efetuados na execução das conclusões do Conselho de junho de 2016

Páginas Relacionadas
Página 0003:
14 DE OUTUBRO DE 2020 3 PROJETO DE LEI N.º 487/XIV/1.ª (APROVA O REGIME JURÍDICO AP
Pág.Página 3
Página 0004:
II SÉRIE-A — NÚMERO 18 4 planos municipais de combate ao desperdício aliment
Pág.Página 4
Página 0005:
14 DE OUTUBRO DE 2020 5 5 – Anexos Anexa-se a nota técnica elaborada pelos serviço
Pág.Página 5
Página 0006:
II SÉRIE-A — NÚMERO 18 6 proposto assenta na articulação entre as empresas d
Pág.Página 6
Página 0007:
14 DE OUTUBRO DE 2020 7 aquele contém a definição de «género alimentício». O Decret
Pág.Página 7
Página 0008:
II SÉRIE-A — NÚMERO 18 8 todas as doações a pessoas em situação de carência,
Pág.Página 8
Página 0009:
14 DE OUTUBRO DE 2020 9 A iniciativa assume a forma de projeto de lei, em conformid
Pág.Página 9
Página 0010:
II SÉRIE-A — NÚMERO 18 10 atos legislativos de estrutura semelhante. Ora, fo
Pág.Página 10
Página 0012:
II SÉRIE-A — NÚMERO 18 12 • insistir na prevenção das perdas e desperdícios
Pág.Página 12
Página 0013:
14 DE OUTUBRO DE 2020 13 intervenção e tornando a transição justa e inclusiva para
Pág.Página 13
Página 0014:
II SÉRIE-A — NÚMERO 18 14 ITÁLIA A Lei n.º 166, de 19 agosto de 2016, relat
Pág.Página 14
Página 0015:
14 DE OUTUBRO DE 2020 15 Concretamente acerca do desperdício alimentar, a legislaçã
Pág.Página 15
Página 0016:
II SÉRIE-A — NÚMERO 18 16 combater, de entre as quais se destaca a adoção de
Pág.Página 16
Página 0017:
14 DE OUTUBRO DE 2020 17 ação para uma estratégia que permita atingir essa meta em
Pág.Página 17
Página 0018:
II SÉRIE-A — NÚMERO 18 18 âmbito do desperdício alimentar, pela alteração de
Pág.Página 18
Página 0019:
14 DE OUTUBRO DE 2020 19 social innovation – apresenta estimativas para a produção
Pág.Página 19