O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

29 DE JULHO DE 2021

43

Artigo 4.º

[…]

1 – Ao Governo compete elaborar e aprovar um Plano Nacional Contra a Violência Doméstica (PNCVD),

obrigatoriamente avaliado e atualizado, e cuja aplicação deve ser prosseguida em coordenação com as demais

políticas setoriais e com a sociedade civil.

2 – ................................................................................................................................................................... .

Artigo 4.º-A

[…]

1 – ................................................................................................................................................................... .

2 – ................................................................................................................................................................... :

a) Um representante designado pelo membro do Governo responsável pela área da justiça;

b) Um representante designado pelo membro do Governo responsável pela área da saúde;

c) Um representante designado pelo membro do Governo responsável pela área do trabalho, solidariedade

e segurança social;

d) ...................................................................................................................................................................... ;

e) ...................................................................................................................................................................... ;

f) ....................................................................................................................................................................... ;

g) Um representante da Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens;

h) [Anterior alínea g)].

3 – ................................................................................................................................................................... .

4 – ................................................................................................................................................................... .

5 – ................................................................................................................................................................... .

6 – ................................................................................................................................................................... .

7 – ................................................................................................................................................................... .

8 – ................................................................................................................................................................... .

9 – ................................................................................................................................................................... .

Artigo 14.º

[…]

1 – .................................................................................................................................................................... .

2 – .................................................................................................................................................................... .

3 – .................................................................................................................................................................... .

4 – .................................................................................................................................................................... .

5 – .................................................................................................................................................................... .

6 – Sempre que existam filhos menores, a atribuição de estatuto de vítima à criança e à pessoa adulta é

comunicada imediatamente pelas autoridades judiciárias ou pelos órgãos de polícia criminal à comissão de

proteção de crianças e jovens e ao tribunal de família e menores territorialmente competentes.

7 – Sempre que a comunicação referida no número anterior tenha por destinatário o tribunal de família e

menores territorialmente competente, deve ser acompanhada de cópia do respetivo auto de notícia ou da

apresentação de denúncia, incluindo cópia da documentação relativa a diligências complementares entretanto

efetuadas.

Artigo 20.º

Direito à proteção

1 – .................................................................................................................................................................... .

Páginas Relacionadas
Página 0042:
II SÉRIE-A — NÚMERO 177 42 PASSIVO Montante do débito
Pág.Página 42
Página 0044:
II SÉRIE-A — NÚMERO 177 44 2 – ......................................
Pág.Página 44
Página 0045:
29 DE JULHO DE 2021 45 descendentes são imediatamente comunicadas pelo tribunal ao
Pág.Página 45
Página 0046:
II SÉRIE-A — NÚMERO 177 46 mulheres e violência doméstica, através do
Pág.Página 46
Página 0047:
29 DE JULHO DE 2021 47 as bases de dados onde se encontram os dados referidos no n.
Pág.Página 47
Página 0048:
II SÉRIE-A — NÚMERO 177 48 b) .......................................
Pág.Página 48
Página 0049:
29 DE JULHO DE 2021 49 a poder recorrer a regimes de parceria para instalar, assegu
Pág.Página 49