O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

19 DE MAIO DE 2022

3

No ciclismo, o atleta André Soares conquistou duas medalhas, uma de ouro na corrida por pontos, e uma de

bronze na prova de contrarrelógio. No judo, Joana Santos, campeã mundial da categoria de -57 kg, alcançou a

medalha de ouro. E na luta greco-romana, Hugo Passos, na categoria -67 kg, conquistou a medalha de bronze.

Estes resultados espelham o empenho e o trabalho desenvolvido pelo Comité Paralímpico de Portugal, pelas

federações e pelas equipas técnicas, na promoção e desenvolvimento do desporto para pessoas com deficiência

auditiva.

Assim, e pelo exposto, a Assembleia da República, reunida em sessão plenária, congratula a Missão

Surdolímpica Portuguesa pelo seu percurso desportivo e excelentes resultados alcançados, desejando que

todas as competições futuras continuem a espelhar o seu empenho e dedicação ao desporto.

Palácio de São Bento, 17 de maio de 2022.

Os Deputados do CH: André Ventura — Bruno Nunes — Diogo Pacheco de Amorim — Filipe Melo — Gabriel

Mithá Ribeiro — Jorge Galveias — Pedro Frazão — Pedro Pessanha — Pedro Pinto — Rita Matias — Rui Afonso

— Rui Paulo Sousa.

———

PROJETO DE VOTO N.º 61/XV/1.ª

DE SAUDAÇÃO SOBRE O DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS

O Dia Internacional dos Museus foi consagrado em 1977 pela Organização das Nações Unidas (ONU),

através do ICOM – International Council of Museums. Tem como objetivo promover uma reflexão sobre o papel

dos museus. Este ano, a data será celebrada sob o tema «O Poder dos Museus».

Por todo o mundo, milhares de instituições museais organizam, durante estes dias, as suas jornadas

comemorativas do Dia Internacional dos Museus. As principais temáticas adjacentes ao tema d’O Poder dos

Museus discutidas pelo meio prendem-se com a valorização dos seus profissionais enquanto atores da mudança

social, os desafios da transição digital, a ligação do museu com o meio onde está inserido e, em particular, o

papel dos museus durante os conflitos armados.

No Dia Internacional dos Museus, importa ainda referir o trabalho desenvolvido em Portugal por todas as

entidades envolvidas no mundo do património cultural e dos museus, como é o caso da representação do ICOM

em Portugal (ICOM Portugal), da Rede Portuguesa de Museus (RPM), da Associação Portuguesa de Museus

(APOM), da Direção-Geral de Património Cultural (DGPC), das associações de amigos dos museus e ainda do

poder local e de todos os técnicos que trabalham em museus, centros de arte contemporânea e espaços de

preservação da memória.

A Assembleia da República saúda o Dia Internacional dos Museus e reforça a convicção de que o seu papel

social e cultural na sociedade contemporânea comporta um importante instrumento de atuação na preservação

da memória coletiva, da cultura material enquanto testemunho do passado, da dinamização cultural e artística

para o desenvolvimento crítico.

Assembleia da República, 18 de maio de 2022.

As Deputadas e os Deputados do BE: Joana Mortágua — Pedro Filipe Soares — Mariana Mortágua —

Catarina Martins — José Moura Soeiro.

———

Páginas Relacionadas
Página 0004:
II SÉRIE-B — NÚMERO 10 4 PROJETO DE VOTO N.º 62/XV/1.ª DE PESA
Pág.Página 4