O texto apresentado é obtido de forma automática, não levando em conta elementos gráficos e podendo conter erros. Se encontrar algum erro, por favor informe os serviços através da página de contactos.
Não foi possivel carregar a página pretendida. Reportar Erro

0049 | II Série A - Número 074S | 09 de Julho de 2004

 

branco, com legenda a negro, em maiúsculas: MONTER REDONDO - LEIRIA.
Teve o parecer favorável da Comissão Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses e publicado no Diário da República III Série, n.º 284, de 9 de Dezembro de 1966, e posteriormente registado na Direcção-Geral da Administração Autárquica, com o n.º 4/97, de 8 de Janeiro.

Figura 1 - Brasão da freguesia de Monte Redondo

III - Enquadramento histórico e geográfico

A área da "Gândara de Monte Redondo" (descrita por Custódio de Morais, em 1936), onde se localiza a freguesia de Monte Redondo, corresponde a um núcleo de povoamento medieval estabelecido após o movimento de reconquista e da fundação do Castelo de Leiria (em 1135), bem como à actividade agrícola que se estabeleceu na sua área. Tal facto é corroborado por topónimos locais (Paço, Sismaria e outros), pela tradição oral relacionada com a presença mourisca e, sobretudo, por documentos medievos dos séculos XIII, relativos ao "Casal de Monte Redondo". Dos séculos XIV e XV outros testemunhos referem-se a aforamentos concedidos pelos Monges de Cister, a povoadores desta terra.
A criação da paróquia de Monte Redondo remonta ao século XVI, a 1589, devendo-se a D. Pedro Castilho (Bispo de Leiria) que a desmembrou da "freguesia do Soito", juntamente com os lugares de Coimbrão, Ervedeira e outros casais e moinhos próximos. A petição para a criação desta paróquia foi subscrita pelos moradores que solicitaram a construção da Igreja "na terra de prazo da Comenda de Alcobaça", onde já existia uma ermida dedicada a Nossa Senhora da Piedade (Cf: "O Couseiro"; 1868).
Posteriormente a esta data, em 1636, o Bispo de Leiria, D. Dinis Melo e Castro, dividiu parte desta freguesia para constituir a freguesia do Coimbrão (anteriormente conhecida por São Miguel das Areias). Mais de três séculos depois, em 1971, esta freguesia foi de novo desmembrada para se constituir a freguesia de Bajouca.
É importante recordar que o povoamento local está indissoluvelmente ligada às arroteias dos terrenos arenosos e alagadiços dominantes nesta área litoral bem como à exploração do pinhal, fonte importante de rendimento para os seus moradores. Tal facto é comprovado através da evolução dos seus habitantes e pelas formas de aproveitamento e utilização da terra.
O Padre Carvalho da Costa na sua "Corografia portugueza e descripçam topographica do famoso Reyno de Portugal" (1712) refere que a Paróquia de Nossa Senhora da Piedade, de Monte Redondo, "tem duzentos e dezasseis vizinhos, quinhentas e sessenta pessoas mayores e cento e sessenta menores". Em meados do século XIX (no ano de 1869), o total de fogos ascendia a 496 e em 1864, o total de habitantes da freguesia era de 2174.
Desde essa data manteve-se um ritmo quase constante de crescimento dos habitantes desta freguesia. Em 1900, o total de moradores era de 2850, valor que em 1950 ascendia a 5253 e, em 1960, a 5811. Depois das perdas provocadas pela emigração e pelo desmembramento de parte da freguesia, em 1971, este montante ascendeu, em 1981, a 4051 habitantes e em 2001 atingiu os 4335 residentes. Na actualidade e devido sobretudo à imigração estrangeira, este valor tem vindo a aumentar.

Quadro I - Resumo da variação da população

Freg. Monte Redondo Concelho de Leiria
Recens. Habit. Var.(Abs.) Var.% Habit. Var.(Abs.) Var.%

1864 2203 - - 32 252 - -
1878 2194 -9 0,0 35 402 3150 9,8
1890 2620 426 19,4 41 606 6204 17,5
1900 2850 230 8,8 44 811 3205 7,7
1911 3302 452 15,9 48 447 3636 8,1
1920 3259 -43 -1,3 51 101 3000 5,5
1930 3.710 451 13,8 55 234 4133 21,9
1940 4.627 917 24,7 67 313 12 079 21,9
1950 5.253 626 13,5 77 567 10 254 15,2
1960 5.811 558 10,6 82 988 5421 7,0
1970 5.350 -461 -7,9 78 950 -4038 -4,9
1981 3.915 -1435 -26,8 96 517 17567 22,3
1991 4051 136 3,5 102 762 6245 6,47
2001 4335 284 7,0 119 847 17085 16,6

Fonte: Arroteia, J. - Território, povoamento e sociedade: estudo monográfico - Monte Redondo. Aveiro; Universidade de Aveiro, 2000

Páginas Relacionadas
Página 0046:
0046 | II Série A - Número 074S | 09 de Julho de 2004   Nestes termos e ao ab
Pág.Página 46
Página 0047:
0047 | II Série A - Número 074S | 09 de Julho de 2004   Atesta o rico histori
Pág.Página 47
Página 0048:
0048 | II Série A - Número 074S | 09 de Julho de 2004   10 Restaurantes;
Pág.Página 48